Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Operação tenta retirar o lixo enquanto busca resgatar vítimas (Foto: Elias Meseret/AP Photo)


Pelo menos 24 pessoas morreram e 28 ficaram feridas em um deslizamento de lixo em um dos principais aterros sanitários do país neste domingo (12), na periferia da capital etíope Addis Abeba.

O deslizamento começou no sábado (11). A enorme montanha de lixo deslizou, carregando 30 barracos de pessoas que viviam no aterro sanitário de Koshe, disse à AFP Dagmawit Moges, porta-voz da prefeitura de Addis Abeba.

"O número de vítimas ainda deve aumentar", acrescentou, explicando que o deslizamento atingiu uma área "relativamente grande".

O aterro sanitário de Koshe existe há mais de 40 anos e é um dos maiores nos arredores de Addis Abeba, capital com 4 milhões de pessoas e que mantém alto crescimento populacional.

A maioria das vítimas eram catadores que vasculhavam incansavelmente nas montanhas de lixo em busca de objetos com algum valor, de acordo com Moges. Informações da France Presse e do G1.

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você