Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Polícia apreendeu armas que podem ter sido utilizadas no crime (Foto: Divulgação/Polícia Militar)


Um sargento da reserva da Polícia Militar foi assassinado a tiros durante um assalto a ônibus na cidade de Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador. O crime ocorreu na noite de sábado (11) na Rua Amaralina, localizada no bairro Sobradinho. Três suspeitos de envolvimento no crime foram presos em flagrante, logo após o homicídio.


De acordo com informações passadas ao G1 neste domingo (12) pela Polícia Civil do município, o caso ocorreu por volta das 19h. A vítima foi Adalberto Santos Silva, que tinha 56 anos. Ele foi baleado na cabeça, nas costas e em uma das pernas. A Polícia Civil suspeita que ele tenha reagido à abordagem, após ter sido reconhecido como policial militar pelos criminosos.
Conforme a polícia, os suspeitos entraram armados no coletivo e anunciaram o assalto com o veículo em movimento. Durante a ação, os criminosos atiraram e o motorista parou o veículo e abriu as portas do coletivo. Segundo a polícia, muitos passageiros sairam correndo assustados.
Em seguida, os suspeitos teriam atirado no sargento e fugiram. Conforme a polícia, após perceber que o homem estava baleado no coletivo, o motorista conduziu o veículo até uma policlínica da Rua Aerolina Espanha, no bairro George Américo, mas a vítima não resistiu e morreu ainda dentro do ônibus.
Sargento da reserva foi morto a tiros em ônibus durante assalto (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um dos suspeitos, Alexandre Santana Olievira, de 21 anos, foi preso logo após o crime. Ele foi baleado durante a ação e deu entrada numa policlínica do bairro George Américo. Em seguida, foi encaminhado para o Hospital Geral Clériston Andrade, onde foi localizado pela polícia.
A Polícia Civil não soube informar se o disparo que atingiu o suspeito foi dado pelo sargento ou por algum outro passageiro do ônibus durante o assalto. Alexandre, segundo a polícia, permanece internado no hospital, sob custódia. Não há informações sobre o estado de saúde dele.
Logo após a prisão de Alexandre, a polícia localizou outros dois suspeitos de envolvimento no crime, Mateus dos Santos Paiva, de 21 anos, e Lucas Matias Oliveira, de 19 anos, todos moradores de Feira de Santana. Eles foram encaminhados para a Delegacia de Homicídios. Com a dupla, a polícia disse ter apreendido duas armas de fogo que teriam sido utilizadas no crime.
O corpo da vítima foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da cidade. Em nota de pesar enviada à imprensa, a Polícia Militar lamentou o ocorrido. Segundo a corporação, Adalberto já estava aposentado e sua última unidade foi o 1º Batalhão de Polícia Militar/Feira de Santana. O velório do sargento ocorre no Centro de Velório Pax Cristo Rei, no bairro da Calilândia, e o sepultamento está previsto para às 16h, no Cemitério São João Batista, no bairro da Mangabinha. Informações do Alan Tiago Alves / G1 BA.

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você