Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]




A turma do 7º ano de Farmácia da Univasf realizou uma visita à Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE), na última sexta-feira (07.04), e aprovou o trabalho da assistência farmacêutica desenvolvido na unidade de saúde. 

A iniciativa, que faz parte da disciplina de Práticas III do curso, tem como objetivo confrontar a teoria com a prática, levando os alunos a vivenciar a realidade da profissão aplicada à farmácia de manipulação e à farmácia hospitalar, que são os focos do semestre.

De acordo com o professor Silvio Leandro, ele busca levar os alunos nas unidades de referência. “Estagiei na época de faculdade no Imip de Recife e sei que são unidades de excelência com relação à organização e gestão da assistência farmacêutica. O meu objetivo é mostrar o certo, como as coisas devem funcionar. E a UPAE, mesmo sendo pública, possui um sistema de fluxo de medicamentos muito eficiente e otimizado, funcionando melhor até do que em muitos hospitais privados”, ressaltou durante a atividade de campo.

Bastante observador e interessado, o estudante Weber Souza, destacou que essas visitas são fundamentais e rompem com o pragmatismo da sala de aula, levando o aluno a conhecer melhor a realidade do mercado de trabalho. “Dessa forma, nós temos uma ideia mais concreta do que vamos encontrar pela frente e podemos avaliar melhor a nossa área de interesse. Fiquei muito surpreso com tudo o que vi na UPAE e a unidade está de parabéns pelo excelente trabalho realizado na assistência farmacêutica”, pontuou.

Para o farmacêutico da Unidade, Carlos Augusto Macedo, o reconhecimento é importante e resultado de um trabalho em equipe. “Ficamos felizes por servir de exemplo”, exclamou. Na visita, ele apresentou a UPAE, Central de Armazenamento Farmacêutico [CAF], farmácia central que atende à urgência e emergência, e farmácia satélite que fica dentro do bloco cirúrgico.

“Além disso, falamos um pouco sobre o nosso sistema informatizado e o fluxo de medicamentos, que tenta otimizar e racionalizar o uso, visando evitar o desperdício e garantir a segurança do paciente”, relata o profissional.

A coordenadora geral, Ana Beatriz Mota Aguiar, ressalta que a UPAE, que é gerida pelo Imip, trabalha com o tripé da assistência, ensino e pesquisa preconizado pelo Instituto e está aberta a todos os profissionais de saúde que queiram conhecer o trabalho desenvolvido na Unidade.  

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você