Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Palmeiras conquistou uma vitória inesquecível para os presentes no Palestra Itália (Foto: Djalma Vassao/Gazeta Press)


Um jogo que o palmeirense não irá esquecer tão fácil. Nesta quarta-feira, o Palmeiras saiu atrás no placar, virou sobre o Peñarol, perdeu pênalti, sofreu o empate, mas marcou no último minuto, já com um jogador a menos, e venceu por 3 a 2 no Estádio Palestra Itália absolutamente lotado. De forma heroica, o Verdão reassumiu a liderança do Grupo 5 da Copa Libertadores.

No primeiro tempo, ao contrário do esperado, o Peñarol não teve uma postura tão defensiva e, apesar das duas linhas de quatro, levou perigo com Affonso e Junior Arias no ataque, enquanto o Verdão se limitou aos lampejos de craque de Dudu pelo lado esquerdo, mas sem conseguir produzir.

Abusando de jogadas aéreas e cruzamentos pela direita, o Peñarol abriu o placar aos 31 minutos do primeiro tempo com Ramón Arias, que aproveitou cobrança de escanteio e mandou livre para as redes. Já o Verdão seguiu sem conseguir pressionar na primeira etapa.

No segundo tempo, entretanto, o Palmeiras mostrou sua força e conseguiu uma incrível virada em apenas cinco minutos. Primeiro com Willian, que aproveitou sobra na área, depois com Dudu, que recebeu cruzamento rasteiro de Guerra e só empurrou para o gol.

O Alviverde passou a administrar o jogo e teve chance de matar a partida com Miguel Borja e Willian, mas os atacantes pecaram na finalização. O colombiano cobrou pênalti para fora, e o Bigode driblou o goleiro, mas mandou a bola no travessão.

A punição veio com o empate do Peñarol aos 30 minutos com Gastón Rodríguez, que pegou o rebote de uma defesa incrível de Fernando Prass após cabeceio de Arias na área. Quando tudo parecia perdido e Dudu foi expulso de forma injusta, Fabiano aproveitou cruzamento de Michel Bastos, testou firme, e a bola ainda bateu na trave antes de morrer nas redes para decretar a vitória alviverde.

Com o emocionante triunfo, o Verdão chegou aos sete pontos na Libertadores, retomando a liderança do Grupo 5, perdida após a vitória do Jorge Wilstermann-BOL sobre o Atlético Tucumán-ARG. O Palmeiras agora é seguido pelos bolivianos, que somam seis pontos, Peñarol, com três, e Tucumán com apenas um.

Na próxima rodada da Copa Libertadores, o Palmeiras visita o Peñarol no Estádio Campeón Del Siglo, no Uruguai, dia 26, às 21h45 (de Brasília). Antes, pela semifinal do Campeonato Paulista, o Verdão tem duelo marcado contra a Ponte Preta no Moisés Lucarelli, neste domingo, às 16. Informações da Gazeta Esportiva.

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você