Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]



A Secretaria de Saúde de Petrolina firmou, nesta terça-feira (11), mais uma importante parceria: a Moscamed Brasil irá ajudar na realização de uma pesquisa de controle do Aedes aegypti. A secretária, Magnilde Albuquerque, juntamente com a secretária executiva de Vigilância em Saúde, Marlene Leandro, se reuniram com o diretor da empresa, Jair Fernandes Virginio, para conhecer o projeto e dar início às atividades de monitoramento e controle do mosquito, vetor de doenças, como Zika, dengue e Chikungunya.

Segundo Jair Fernandes, este projeto é pioneiro não somente no país, mas no mundo. “Nós estamos dando início às articulações técnicas e institucionais com a Prefeitura de Petrolina. Já nos reunimos com o prefeito Miguel Coelho e agora fomos recebidos pela secretária Magnilde. A ideia é construirmos uma alternativa para o manejo integrado de combate ao vetor”, frisou.

O diretor ressaltou que esse controle é feito com o próprio mosquito. “O objetivo é fazer as liberações desses insetos esterilizados. É um projeto diferente do que vínhamos realizando, não vamos usar o mosquito transgênico. Vale ressaltar que vamos liberar os machos, eles não se alimentam de sangue e não vão incomodar a população. Estamos discutindo este projeto piloto, vamos realizar o monitoramento para saber o índice de infestação em campo e começar os planejamentos. Já estamos buscando os recursos nos Ministérios da Saúde e de Ciência e Tecnologia, assim que forem disponibilizados, já vamos dar início às ações”, explicou.

Para, a secretária executiva de vigilância em saúde, Marlene Leandro, esta parceria vem para consolidar o trabalho já realizado pela Secretaria de Saúde no controle de doenças como dengue, Zika e Chikungunya. “Esse é um projeto piloto aqui na região, e o objetivo de todos é combater o mosquito. Essa foi nossa primeira reunião, porém, vamos ter outros encontros para o desenvolvimento e sucesso das ações. A primeira delas será a identificação da área que será utilizada. Vale ressaltar que o trabalho que já vem sendo desenvolvido pelo município vai continuar, esse é só mais um reforço”, concluiu. (Ascom PMP)

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você