Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]


(Reprodução)

O município de Petrolina agora conta com ações permanentes de proteção às crianças e adolescentes. Diversas instituições da cidade participaram na última semana da primeira reunião da Rede de Proteção à Infância e Juventude que acaba de ser criada com o intuito de somar esforços para gerar propostas e discussões de proteção a este público.

O encontro contou com a participação da Vara da Infância e Juventude, Conselho Tutelar, Polícia Militar, Guarda Municipal, entre outros órgãos que discutiram parcerias e mecanismos que possam ampliar as ações na cidade.

A secretária executiva de Direitos Humanos, Bruna Ruana, fala do avanço do município na articulação de iniciativas conjuntas e lembra que uma das primeiras ações diz respeito ao combate ao uso de álcool por menores em Petrolina.

“Estudos apontam que a ingestão precoce de álcool é a principal causa de morte de jovens de 15 a 24 anos em todo o mundo. Nesse sentido, identificamos a necessidade de combater a venda de bebidas alcoólicas para menores de idade, através de articulações e elaborações de estratégias coletivas. Neste primeiro momento, esta será uma prioridade da nossa Rede de Proteção”, disse Bruna.

Ainda de acordo com Bruna, a partir de agora, haverá reuniões mensais dos integrantes da rede para travar discussões de novas ações de proteção à infância e juventude. A secretária executiva destaca ainda que a Rede de Proteção é aberta ao público e que a próxima reunião já está marcada para o próximo dia 30 de Maio na Secretaria Executiva de Direitos Humanos localizada no Parque Municipal Josepha Coelho.

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você