Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Armas, drogas e munições que foram encontradas com um dos suspeitos durante operação em Barra do Choça, na Bahia (Foto: Divulgação/Polícia Civil)


Cinco pessoas foram presas durante uma operação da Polícia Civil que investiga homicídios na cidade de Barra do Choça, no sudoeste da Bahia. A Polícia Civil informou nesta quarta-feira (28), que ao menos quatro mortes que ocorreram no último final de semana na cidade têm relação com o tráfico de drogas. Além dos presos na operação, realizada na terça-feira (27), um veículo, armas, drogas e dois adolescentes foram apreendidos.

Durante a ação, o homem conhecido pela polícia como um dos líderes do tráfico na região, e suspeito de ser o mentor intelectual da morte de rivais registradas nos últimos dias, morreu na terça-feira, após reagir a prisão e confrontar os policiais.

Ao ser atingido, a polícia encontrou com o homem, chamado de Fernandinho, um revolver, munições, crack e maconha. De acordo com a polícia, na casa do suspeito que morreu após o confronto, foram achados ainda outro revólver, munições, drogas e uma moto, que pode ter sido utilizada nos homicídios.

Já o comparsa de Fernandinho, e identificado como autor de pelo menos três homicídios registrados em Barra do Choça no fim de semana, está entre os presos da operação. Todas as vítimas dos homens apontados como traficantes eram jovens, com idades entre 17 e 22 anos.

Dois adolescentes, que também integram o grupo, conforme a polícia, foram apreendidos e encaminhados ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) para a adoção de medidas socioeducativas, por conta da prática de atos infracionais análogos aos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e homicídio. Os demais presos já foram encaminhados ao sistema prisional em Vitória da Conquista.

Além da equipe da DT/Barra do Choça, participaram da ação, equipes da 10ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Conquista), Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), e Polícia Militar por meio do pelotão de Barra do Choça, Rondesp, 79ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Poções) e Guarda Municipal. As informações são do G1 BA.

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você