Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Forças de mobilização popular xiitas e integrantes do exército iraquiano se reúnem nos arredores de Hawija, no norte do Iraque, na quarta-feira (4) (Foto: Reuters )



As forças iraquianas anunciaram nesta quinta-feira (5) que retomaram o controle do centro Hawija, o último reduto do grupo extremista Estado Islâmico (EI) no norte do Iraque, e afirmaram que prosseguem em seu "avanço" para libertar a região.

As unidades do exército e da polícia, assim como as forças paramilitares de Hashd Al-Shaabi, "libertaram o centro de Hawija em sua totalidade e continuam seu avanço", afirma em um comunicado o general Amir Yarallah, que coordena as operações.

A vitória na batalha por Hawija, iniciada em 21 de setembro, acontece ao mesmo tempo em que as forças iraquianas continuam seus combates em outra frente, no deserto próximo da fronteira com a Síria.

Na área ao longo da fronteira síria, os extremistas controlam duas localidades: Rawa e Al-Qaim, do outro lado da província de Deir Ezzor, na Síria. Em 19 de setembro, as forças iraquianas iniciaram uma ofensiva para reconquistar ambas.

Hawija, a 230 km de Bagdá, é uma cidade sunita de mais de 70.000 habitantes que recebeu o apelido de "Kandahar do Iraque" pela presença de combatentes extremistas e em referência ao reduto dos talibãs no Afeganistão.

A cidade é uma das últimas grandes localidades do Iraque sob controle do EI, depois que os extremistas foram expulsos nos últimos meses de grande parte dos territórios que dominavam desde 2014. As informações são do G1 / France Presse.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você