Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Haxixe foi apreendido no Aeroporto do Recife (Foto: Divulgação/PF)


A Polícia Federal em Pernambuco (PF) apreendeu 1,3 quilo de haxixe no Aeroporto Internacional do Recife/Gilberto Freyre, na noite de terça-feira (17). Na ação, os agentes prenderam uma mulher, de 24 anos, natural de São Paulo. Ela transportava a droga, uma espécie de resina de maconha, escondida em caixas de brinquedo.

Segundo a PF, em conversa com os policiais, a presa informou que recebeu a droga em Lisboa, em Portugal, para trazer para o Brasil. No entanto, não disse quanto ganhou pelo transporte nem quem entrou o entorpecente e qual seria o destino do material ilícito.

A prisão aconteceu durante fiscalização de rotina destinada a reprimir o tráfico internacional de entorpecentes. Ao submeter as bagagens ao aparelho de Raio-X da receita Federal, os agentes federais identificaram uma mala que continha objetos de formato estranho.

Após a separação da bagagem, a dona dela foi convocada para prestar esclarecimentos na sala da Polícia Federal. Durante a entrevista, a mulher ficou nervosa e não soube dizer o motivo da viagem e o valor das passagens.

Ao abrir a mala, os agentes encontraram três invólucros do entorpecente em formato de cápsulas e retangular. Após o narcoteste, a PF confirmou que era haxixe. A droga não é produzida no Brasil e, pela forma de apresentação, é oriunda do oriente e norte da África.

A mulher seguiu para a sede da Polícia Federal no Cais do Apolo, na áea central do Recife. Foi autada por tráfico de drogas. Caso seja condenada, poderá pegar penas que variam de cinco a 20 anos de reclusão.

Após a autuação, a presa passou por exame de corpo de delito no Instituto de Medicina Legal (IML), na área central do Recife. Na tarde desta quarta, será levada para a audiência de custódia.

Caso seja confirmada a prisão preventiva, ela será encaminhada para a Colônia Penal Feminina, no Engenho do Meio, na Zona Oeste, onde ficará à disposição da Justiça Federal. Além da droga também foram apreendidos cartão de embarque, passaporte, dois aparelhos celulares e R$ 932 e 40 euros.

Estatísticas

Esta é a 10ª apreensão de drogas neste ano de 2017 no Aeroporto dos Guararapes. Até agora foram realizadas 11 prisões e apreensão de 23,3 quilos de cocaína, 43 quilos de skank, 6,8 quilos de haxixe e três quilos de metanfetamina. Em 2016 foram realizadas 14 apreensões com 14 pessoas presas. As informações são do G1 PE.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você