Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Concurso do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) abre para inscrições nesta segunda (Foto: Reprodução/Google Street View)


As inscrições para o concurso do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF), que abrange os estados de Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará, com 14 vagas e formação de cadastro reserva de servidores, começam nesta segunda-feira (2). Os salários chegam a R$ 10.461,90.

O edital foi publicado no Diário Oficial da União na segunda-feira (25). A Fundação Carlos Chagas (FCC) é a organizadora e responsável pelo processo seletivo, que tem vagas tanto para Pernambuco, quanto para os outros estados.

As inscrições acontecem entre a partir das 10h desta segunda e vão até o dia 27 de outubro, exclusivamente pela internet, e custam R$ 60,85 para técnico judiciário e R$ 70,85 para os cargos de analista judiciário.

Do total de vagas, três são para o cargo de analista judiciário da área Judiciária, em Pernambuco, sendo uma dessas vagas garantida a candidato negro, em caso de aprovação. Duas outras vagas estão destinadas para ao cargo de analista judiciário especialidade Informática/Infraestrutura em Pernambuco e Alagoas.

O edital também prevê duas vagas para o cargo de analista judiciário especialidade Medicina (Clínica Geral), sendo uma em Pernambuco e outra no Ceará. Para o cargo de analista judiciário especialidade Contadoria há uma vaga em Pernambuco.

Outras cinco vagas disponíveis são para o cargo de técnico judiciário da área Administrativa em Pernambuco (2); Paraíba (2) e Rio Grande do Norte (1). Há, ainda, uma vaga para técnico judiciário da área administrativa especialidade Segurança e Transporte para a Paraíba.

Segundo o TRF5, aos candidatos com deficiência também será garantido 5% dos cargos que vierem a vagar ou forem criados dentro do prazo de validade do concurso.

O salário inicial para técnico judiciário (nível médio) é de R$ 6.376,41 e, para o cargo de analista judiciário (nível superior), de R$ 10.461,90. Além disso, há mais R$ 884, referente ao auxílio-alimentação.

A seleção tem validade de dois anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período.

Provas

A seleção conta com provas objetivas e discursivas, previstas para acontecer no dia 03 de dezembro. Elas serão aplicadas pela manhã, para cargos de técnico judiciário e à tarde para os cargos de analista judiciário. Os exames vão ser aplicados nas capitais Recife, João Pessoa, Natal, Fortaleza, Maceió e Aracaju.

Para o cargo de técnico judiciário especialidade Segurança e Transporte, há ainda a previsão de uma prova física, ainda sem data definida.



Fonte: G1 PE

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você