Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]



Promover a qualificação profissional e desenvolver a autoestima feminina. Estes são os principais objetivos do curso de instalação hidráulica e predial que a Prefeitura de Petrolina está realizando, em parceria com a empresa Proatec, com mulheres que moram no residencial Nova Petrolina, do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’. Com aulas teórico-práticas e carga horária de 80 horas, a iniciativa pretende ensinar como manusear equipamentos hidráulicos e elétricos, desenvolvendo assim as habilidades para a realização de pequenos reparos residenciais como o assentamento de portas, janelas, torneiras, pias, vasos sanitários. Nesta quarta-feira (08), por exemplo, a aula mostrou como assentar grades de proteção, que agora vão fazer parte da estrutura do residencial.

Aproveitando para recuperar algumas áreas do condomínio, o curso ainda ensina a preparação correta de massa para concretagem, além de manutenção predial elétrica e hidráulica. Ao todo, são 40 participantes, sendo 10 homens, que pediram para fazer parte da ação. Eles se dividem em duas turmas, uma pela manhã e outra no turno da tarde. As aulas começaram no dia 20 de outubro e seguem até 25 de novembro. Uma grande oportunidade de qualificação profissional para que as mulheres possam conquistar uma vaga no mercado de trabalho ou ainda tenham a possibilidade de se tornarem microempreendedoras,

De acordo com o secretário de Infraestrutura, Habitação e Mobilidade de Petrolina, Coronel Leite, os resultados da ação comprovam a relevância do projeto social. “Esse tipo de iniciativa está prevista dentro das ações do ‘Minha Casa Minha Vida’. Isso mostra a preocupação do poder público não somente em proporcionar uma casa para uma pessoa que precisa, como também em fazer todo um trabalho de conscientização sobre a vida em comunidade, onde a autoestima é importante neste processo de reconstrução social. As mulheres estão de parabéns, uma vez que estão assumindo, mais uma vez, o papel de protagonistas dentro do contexto familiar”, destaca Leite.

PEREIRÃO

A partir da proposta do projeto, o curso ganhou um carinhoso apelido: Pereirão. A referência foi feita à personagem de Lília Cabral, Griselda da Silva Pereira, o Pereirão, na novela ‘Fina Estampa’, exibida pela Rede Globo entre 2011 e 2012. Na trama de Aguinaldo Silva, Pereirão teve que sustentar os três filhos pequenos depois que o marido desapareceu em alto-mar. O desafio foi superado graças aos conhecimentos adquiridos por Pereirão na área de mecânica. Desde então, vestido com um característico macacão de oficina, passou a consertar de tudo um pouco nas casas da vizinhança.



Felipe Pereira / Ascom PMP / Foto: Proatec

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você