Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Polícia divulgou retrato falado de dois homens suspeitos de estuprar adolescentes no Recife (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil divulgou, nesta terça (25), os retratos falados de dois homens suspeitos de estuprarem duas adolescentes no Sítio Trindade após elas saírem da escola, na Zona Norte do Recife. O crime ocorreu na manhã de quinta (20), quando as garotas saíram da Escola Estadual Dom Bosco, em Casa Amarela. Na sexta (21), alunos da instituição de ensino fizeram um protesto denunciando insegurança na região.

As duas jovens prestaram depoimento no Departamento de Proteção à Criança e Adolescente (DPCA), na Zona Oeste da capital. Segundo a delegada Thaís Galba, responsável pelas investigações, as jovens passaram por exames no Instituto de Medicina Legal (IML), no Recife. Ainda de acordo com a polícia, as vítimas não souberam precisar o número exato de agressores.

"Nós conversamos mais uma vez e elas se lembraram de mais detalhes que elas não tinham relatado anteriormente, inclusive a possibilidade de identificar dois agressores, mas não o grupo todo que as abordou porque realmente foram muitas pessoas", explicou.

Segundo a polícia, há divergências nos depoimentos das duas jovens quanto a detalhes da abordagem dos criminosos. Uma das garotas afirma que elas foram abordadas dentro do Sítio Trindade, enquanto a outra diz que os criminosos as ameaçaram desde a saída da escola. Apesar disso, os depoimentos convergem na denúncia do abuso sexual.

"Queremos tentar entender o porquê que elas estão divergindo. Se tem alguém as ameaçando ou coagindo, razão pela qual uma das vítimas está contando uma história diferente da outra. Isso, a gente ainda não sabe, mas de forma nenhuma isso descaracteriza o fato de que, aparentemente, elas foram vítimas de uma violência sexual", disse a delegada.

Quem tiver informações sobre a identidade dos suspeitos pode ligar para o telefone (81) 3184-3579. As informações são do G1 PE.




Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário