Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: Reprodução

O drama de uma adolescente de 12 anos está comovendo a comunidade de Petrolina (PE). Nascida no dia 2 de março de 2006, Ana Beatriz se desenvolveu bem até os oito meses de idade, quando o crescimento dela ficou mais lento. A menina – que é a caçula da família – foi diagnosticada com uma doença rara denominada Síndrome de Wolfram, que possui caráter neurodegenerativo, afetando aproximadamente um em cada 500.000 indivíduos no mundo.

Aos 12 anos,  mede menos de um metro de altura e precisa de atenção exclusiva. Por mês, a família gasta quase R$ 630,00 com os suplementos de Ana Beatriz. O cômodo que está sendo construído para auxiliar nos cuidados ainda precisa de forro, cerâmica e um ar-condicionado.

Além disso, Ana Beatriz respira com auxílio de aparelhos e precisa de um respirador novo com ventilação mecânica ligada 24 horas por dia. Sem condições financeiras para comprar o suplemento alimentar da menina, a mãe Gildete Alves desabafa: Estou aqui muito preocupada. O Nutrissom Soya acabou e não tenho dinheiro pra comprar. Fui ver se tinha entrado alguma coisa na conta, só tem R$ 20. O Nutridrink Max custa R$ 149. O Nutrissom Soya está em falta, não sei o que vou fazer. Beatriz está precisando urgente do suplemento e de fraldas.

Uma conta para depósitos ou transferências foi aberta a quem tem interesse em ajudar a família de Ana Beatriz no seu tratamento.

Banco – Caixa Econômica Federal

Quem quiser entrar em contato e ter mais informações, pode ligar para o número (87) 8839-6253.


Fonte: Blog do Carlos Britto

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário