Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: WikiImages / pixabay


O número total de tropas dos Estados Unidos que está indo em direção à fronteira com o México para tentar parar uma caravana de migrantes pode estar na casa dos milhares, mas não há um número preciso ainda, disse uma autoridade dos EUA à Reuters nesta segunda-feira, oferecendo uma estimativa muito maior do que a faixa de 800 a 1.000 prevista inicialmente.

O Pentágono não quis comentar sobre possíveis números de tropas, dizendo que o planejamento ainda está acontecendo para uma missão que visa reforçar os esforços do presidente dos EUA, Donald Trump, para parar migrantes centro-americanos que marcham rumo aos EUA.

Na semana passada, o secretário da Defesa dos EUA, Jim Mattis, autorizou o uso de tropas e outros recursos militares na fronteira entre EUA e México.

Naquele momento, autoridades disseram que a autorização de Mattis não incluiu um número específico de tropas, algo que seria determinado em algum momento posterior.

Autoridades dos EUA disseram à Reuters na semana passada que o número poderia ser de ao menos 800 tropas, que poderiam começar a ser deslocadas na terça-feira.

Trump, que fez campanha contra a imigração ilegal para vencer a eleição presidencial de 2016, tem se apropriado desta caravana nas semanas que antecedem as eleições parlamentares de 6 de novembro, aumentando o apoio para o seu partido Republicano.

Estimativas sobre o tamanho da caravana variam de 3.500 até mais que o dobro disso. Alguns migrantes abandonaram a jornada, desencorajados pelas dificuldades ou pela possibilidade de fazer uma nova vida no México. Outros se uniram a ela no sul do México. As informações são da Reuters.


Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário