Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: Ricardo Lima / REUTERS


Um homem armado invadiu nesta terça-feira a Catedral Metropolitana de Campinas, interior de São Paulo, matou quatro pessoas e cometeu suicídio, informaram a prefeitura e a assessoria de imprensa do corpo de bombeiros.

De acordo com os bombeiros, quatro pessoas também ficaram feridas no ataque ocorrido durante uma missa na catedral.

“Ainda não se sabe o motivo ou se o homem tinha algum alvo”, disse um assessor dos bombeiros à Reuters.

A Prefeitura de Campinas afirmou em comunicado que o atirador tinha por volta de 30 anos e que “a prioridade no momento é dar total atenção aos feridos e às famílias das vítimas”.

Dos quatro feridos, dois estão no Hospital Municipal Mário Gatti, um no Hospital de Clínicas da Unicamp e outro no hospital Beneficência Portuguesa.

O atirador tinha duas armas, sendo uma pistola e um revólver, de acordo com os bombeiros. O ataque ocorreu no início da tarde.

“As pessoas estavam rezando na igreja com terço na mão, a maioria idosos, pessoas inocentes, e ele entrou disparando contra todo mundo que estava lá sem motivo”, disse a jornalistas um guarda municipal de Campinas em frente à igreja.

Em nota, a Arquidiocese de Campinas informou que a catedral segue fechada para o atendimento das vítimas e a investigação da polícia. “Contamos com as orações de todos neste momento de profunda dor”, diz a nota. As informações são da Reuters.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário