Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Suspeitos foram presos em Juazeiro e Petrolina. (Foto: Divulgação)

Uma operação policial prendeu uma quadrilha suspeita de roubar pneus de caminhões no Vale do São Francisco. Dois integrantes do grupo foram presos em Juazeiro (BA), após uma ação criminosa que resultou no roubo de 22 pneus de um veículo, na madrugada de ontem (25), próximo ao distrito de Massaroca, zona rural da cidade.

De acordo com informações da 76ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), a carreta foi levada pelo grupo até o povoado de Carnaíba, também na zona rural de Juazeiro, onde foi ‘depenada’. Foram colhidas informações com a vítima e imagens de câmeras de videomonitoramento de postos de combustíveis da região, que ajudaram na identificação dos envolvidos.

Por volta das 18h, a PM foi informada que os suspeitos estariam em um motel no Bairro Piranga, supostamente armados. A polícia foi até o local e localizou dois suspeito – ambos naturais de Itabaiana (SE). Conforme a 76ª CIPM, eles teriam confessado envolvimento no assalto e os detalhes da ação, indicando os nomes e a localização dos demais envolvidos. Não foi localizada, contudo, a arma de fogo em posse dos suspeitos.

Com base nessas informações e com o apoio da 75ª CIPM e do 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp) de Petrolina, outro suspeito foi localizado em um conhecido posto de combustíveis na BR-407, no Bairro Sol Nascente, em Juazeiro. Já outros dois envolvidos foram detidos em um posto de combustíveis nas proximidades do N-4 do Perímetro de Irrigação Senador Nilo Coelho, zona rural de Petrolina, no interior de uma carreta, de cor branca, utilizada na prática do roubo, acoplada a um reboque, dentro do qual foram localizados os 22 pneus roubados, bem como o aparelho celular da vítima.

Veículo adulterado

Ainda conforme averiguação efetuada pela PM, o caminhão de cor prata encontrado com o suspeito preso no Sol Nascente apresentou suposta adulteração, uma vez que consta em seu documento que sua cor é prata, possuindo, porém, por baixo da sua plotagem, cor branca.

Segundo a 76ª CIPM, todos teriam confessado que pretendiam seguir ao Estado do Piauí a fim de cometerem outros delitos semelhantes. Vale ressaltar que os homens presos no motel têm passagens pela polícia por roubo de caminhão e de cargas e por posse de arma de fogo, roubo e associação criminosa. Juntamente com o material apreendido, eles foram apresentados na 17ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin). As informações são do Blog do Carlos Britto.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário