Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Três pessoas são mortas em Petrolina — Foto: Leciane Lima/ TV Grande Rio


Um homem acusado de cometer um triplo homicídio foi condenado a 62 anos de prisão. De acordo com a Polícia Civil de Pernambuco, André Luís Ferreira da Silva já estava preso desde janeiro do ano passado e passou na terça-feira (20) por um júri popular.

O crime foi no dia 16 de janeiro de 2018, no povoado do Serrote do Urubu, em Petrolina. Na época, ele e um adolescente de 16 anos foram acusados de matar três pessoas de uma mesma família: Expedito Henrique Sampaio, de 42 anos, a mãe dele, Severiana Ana da Conceição, de 76 anos e o filho dele, Expedito Jamerson Sampaio, de 13 anos.

Segundo as investigações, os acusados teriam agido por vingança pessoal. André Luis Ferreira da Silva retornou à Penitenciária de Petrolina, onde já estava preso. As informações são do G1 Petrolina.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário