Polícia prende suspeito de matar e esquartejar jovem de 18 anos no DF



Agentes fazem perícia em lixão onde corpo foi encontrado, no Itapoã — Foto: TV Globo/Reprodução

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu, neste sábado (4), um homem suspeito de matar e esquartejar um jovem de 18 anos, no Itapoã. Partes do corpo de João Carlos Dias dos Santos foram encontradas em um lixão, dentro de sacolas plásticas.

Segundo a investigação, o corpo do vítima foi localizado por um carroceiro. A testemunha disse à polícia ter sido contratada para transportar recicláveis e um tanque de lavar roupas. Ao descarregar o material, o trabalhador encontrou o tronco, os braços e as pernas da vítima.

A perícia foi chamada e, durante a coleta de provas, o suspeito apareceu. O jovem de 19 anos foi reconhecido por testemunhas e acabou preso em flagrante.

De acordo com a polícia, outras duas pessoas estão envolvidas no crime. Elas não haviam sido presas até a publicação desta reportagem. A polícia também tenta localizar onde os criminosos esconderam a cabeça da vítima.

O crime é investigado como homicídio pela 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá).

Crimes em março

Um levantamento feito pelo G1 mostra que, em março, houve 1,14 mortes violentas no DF a cada 24 horas, em média. Houve pelo menos 31 assassinatos no mês passado.

Ainda segundo os dados levantados pela reportagem, de 1º a 31 de março, Planaltina e Gama somaram o maior número de homicídios: foram quatro assassinatos em cada região. Brazlândia e Paranoá ficaram em segundo lugar, com dois casos cada.

Veja números:

. 26 homicídios
. 1 feminicídio
. 4 latrocínios – roubos seguidos de morte. As informações são do G1 DF.

Postar um comentário

0 Comentários