Duplo homicídio praticado no Centro de Petrolina (PE) foi motivado por vingança

Reprodução


A Polícia Civil deu detalhes sobre a prisão do autor do duplo homicídio, praticado na terça-feira (6), no Centro de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. O crime, segundo a polícia, teria sido cometido por vingança. Em depoimento, o homem disse que a mãe dele havia sido roubada pelas vítimas.

“O autor informou que sua mãe tinha tido uma quantia de dinheiro roubada pelas duas vítimas. Por conta disso, vingança, ele foi até o local onde as duas vítimas costumavam aplicar golpes, com o intuito, único e exclusivo, de ceifar as vidas das duas vítimas. Esperou o melhor momento, e quando as duas estavam passando pela calçada, na proximidade da Caixa Econômica, efetuou os disparos”, afirma o delegado da Delegacia de Homicídio, Gabriel Sapucaia.

A prisão do autor do crime aconteceu poucas horas depois do duplo homicídio. Através de câmeras de segurança, a polícia conseguiu identificar homem e o carro utilizado por ele na fuga. Ele foi preso nas imediações do bairro Antonio Cassimiro.

“No momento da prisão, conseguimos apreender o carro utilizado para empreender fuga, identificar a arma de fogo utilizada para ceifar as vidas das duas vítimas, calibre 380, e ainda apreendemos as roupas utilizadas no duplo homicídio”, explica o delegado.

Nesta quarta-feira (7), o suspeito foi encaminhado para Audiência de Custódia, onde a prisão em flagrante pode ser convertida em prisão preventiva.

Participação em roubos

De acordo com o delegado Joseilton Sampaio, além do crime de duplo homicídio, o homem preso já era investigado por praticar roubos na cidade. “Nós tínhamos uma investigação muito bem encaminhada, com muitas provas que esses crimes estavam acontecendo e isso acabou sendo importante na hora que o doutor Gabriel identificou essa imagem do veículo e passou para gente”.

Além do autor do duplo homicídio, outros dois homens foram presos por suspeita de participação nos roubos. “Essa investigação demonstrava que haviam três indivíduos praticando esses roubos. Nós refizemos o percurso de onde esses indivíduos saíram, após praticar os roubos , até o local onde esse carro seria guardado. Quando juntamos as informações com a delegacia de homicídios, nos reunirmos e efetuamos as prisões”, explica o delegado Joseilton Sampaio.

A arma utilizada para matar as vítimas no Centro, foi a mesma utilizada nos roubos, segundo a polícia. “Foi uma ação bastante exitosa. Além da gente prender, em menos de três horas depois do duplo homicídio, a gente já tinha chegado no autor e a gente já havia conseguido fechar um ciclo de investigação em relação aos roubos que vinham acontecendo na cidade”, afirma Sampaio.

Postar um comentário

0 Comentários