Rússia continuará ofensiva na Ucrânia até alcançar seus objetivos

FOTO: SERGEY BOBOK / AFP


A Rússia continuará a ofensiva na Ucrânia até alcançar seus objetivos, anunciou o ministro da Defesa, Serguei Shoigu.

"As Forças Armadas russa continuarão a operação militar especial até que sejam cumpridos os objetivos fixados", afirmou Shoigu em uma entrevista coletiva.

A Rússia busca a "desmilitarização" e a "desnazificação" da Ucrânia, assim como proteger a Rússia da "ameaça militar criada pelos países ocidentais", afirmou o ministro.

Apesar do aumento do número de vítimas civis na Ucrânia, o ministro negou que as tropas russas tomem como alvos infraestruturas civis ou residenciais. Ele repetiu o discurso das autoridades de Moscou de que as forças ucranianas utilizam os civis como escudos.

"Lança-foguetes múltiplos e morteiros de grande calibre estão instalados nos pátios dos imóveis próximos de escolas e jardins de infância", afirmou Shoigu.

Vladimir Putin fez as mesmas acusações, o que alimentou o temor de intensificação dos ataques em áreas urbanas.

Postar um comentário

0 Comentários