Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Petrolina (PE) confirma mais oito caso de coronavírus no total de 62 pessoas infectadas



Imagem de Visuals3D por Pixabay 

Os casos positivos do novo coronavírus (Covid-19) em Petrolina subiram para 62, nesta quinta-feira (7). São 8 novos casos, sendo que um deles é o de uma menina de 11 anos, que faleceu na última segunda-feira (4) no Hospital Dom Malan (HDM)/Imip. A criança tinha cardiomegalia (crescimento do tamanho do coração em proporções anormais) e, antes de falecer, apresentou sintomas respiratórios. O exame analisado pelo laboratório do governo do estado saiu nesta quinta-feira, atestando positivo para o novo coronavírus.

Dos oito casos, a Secretaria de Saúde confirmou 6 casos positivos através de testes rápidos. São 4 homens (de 25, 35, 38 e 51 anos) e 2 mulheres (de 36 e 48 anos). Além do resultado positivo da criança que faleceu, a secretaria também recebeu outro resultado laboratorial positivo. O paciente é um homem de 34 anos, que está em isolamento domiciliar. Dos 62 casos de pessoas infectadas pela Covid-19, 44 foram por testes rápidos e 18 por laboratório. Curas clínicas somam 19.

SRAG

O boletim com dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) aponta que 27 casos são investigados e 30 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de um óbito. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Chega a 54 o número de casos confirmados de coronavírus em Petrolina (PE)




A Prefeitura de Petrolina informa nesta quarta-feira (6) mais dois resultados positivos para o novo coronavírus (Covid-19). Desta forma, o município passa a ter 54 casos confirmados da doença. São duas mulheres - de 34 e 48 anos. Ambas estão em isolamento domiciliar. Agora são 38 casos confirmados através dos testes rápidos da prefeitura e 16 diagnosticados pelo laboratório do governo do estado. Desse total, 18 casos já são considerados curados clinicamente, com um óbito registrado.

SRAG

O boletim com dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) aponta que 25 casos são investigados e 30 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de um óbito.

Fake news

É falsa a notícia de que uma pessoa morreu devido à infecção pelo novo coronavírus em Petrolina, nesta quarta-feira. A Prefeitura informa que ocorreu um óbito na Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Pedra Linda, mas o paciente não tinha suspeita da Covid-19.

O paciente, de 61 anos, procurou a unidade, já passando mal. A causa clínica foi hepatopatia crônica. Porém, teve uma evolução muito rápida para o óbito. O homem faleceu dentro da unidade com hematêmese (vomitando sangue). Ele também tinha outras comorbidades, como diabetes e hepatite C, sem nenhum sintoma relacionadado à Covid-19.

Outro boato

Também nesta quarta-feira, começou a circular em grupos de WhatsApp um texto fazendo referência à Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Petrolina, o qual aponta 279 casos de pessoas infectadas pela Covid-19 em Petrolina. A prefeitura destaca que todos os casos relacionados à pandemia de coronavírus estão sendo divulgados diariamente pelo boletim oficial e qualquer informação que não tenha como fonte a Prefeitura de Petrolina não deve ser considerada como verídica e oficial. Qualquer dúvida, é só acessar: petrolina.pe.gov.br/coronavirus. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Boletim deste domingo segue sem alterações de casos confirmados de Covid-19, em Petrolina (PE)




O boletim da Prefeitura de Petrolina deste domingo (3) aponta que o município segue com 49 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19), ou seja, sem alterações nas últimas 24 horas. São 33 confirmações através de testes rápidos feitos pela prefeitura e 16 casos diagnosticados através do exame realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE). Nenhum óbito foi registrado e já são 15 casos considerados curados clinicamente, sem nenhum óbito.

Quanto aos dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim aponta que 17 casos são investigados e 30 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de 1 óbito. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Só duas cidades com mais de 100 mil habitantes não registram covid-19



Apenas 2 dos 324 municípios brasileiros com mais de 100 mil habitantes não tinham notificado casos confirmados de covid-19 até a última quinta (30), segundo o Ministério da Saúde informou ao UOL.

O último boletim epidemiológico do país, com dados até domingo (26), dá conta de seis cidades com esse perfil sem casos registrados. A pasta não respondeu, contudo, se nesse intervalo de tempo esses quatro municípios de diferença acabaram confirmando a incidência da epidemia. Também não informou quais eram todas as seis cidades.

Os dados do governo federal informados ao UOL são condizentes com a contagem feita pela FNP (Frente Nacional dos Prefeitos), que diariamente apura novos números de casos com os estados.

Segundo a FNP, só duas cidades com mais de 100 mil habitantes ainda não tinham confirmações de coronavírus: Vespasiano, em Minas Gerais, e Santo Antônio de Jesus, na Bahia. Entre os municípios com mais de 80 mil habitantes, apenas nove não registraram nenhum caso.

Os dados refletem o espraiamento da epidemia pelo país e confirmam a tendência de concentração das contaminações em grandes centros urbanos, avalia o secretário-executivo da Frente Nacional de Prefeitos, Gilberto Perre. A organização contabiliza 91% dos casos em cidades com mais de 80 mil habitantes.

"A proporção era de 95% dos casos em cidades com mais de 80 mil habitantes e agora vai caindo, mas muito lentamente. Constatamos que o fenômeno da pandemia é muito concentrado ainda nas grandes cidades, nas regiões metropolitanas, e deve continuar assim. O que não espraia são leitos de UTI e a estrutura médica instalada —essa estrutura está nos grandes centros", diz Perre.

Os municípios representados pela FNP têm reclamado da ausência de diretrizes claras e centralizadas para tomar decisões durante a pandemia. O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu em 15 de abril que estados e municípios têm autonomia para definir quais são as atividades que serão suspensas e os serviços que não serão interrompidos.

O cenário, no entanto, é de crescimento da judicialização de decisões municipais sobre o enfrentamento à quarentena, segundo o dirigente da FNP.

"Apesar da legalidade [para tomar decisões], eventualmente o Ministério Público ou o partido político de oposição ao prefeito de plantão podem divergir. Está havendo uma crescente judicialização das medidas de planejamento de retomada. Não há como tudo isso dar certo sem um diálogo federativo", comenta Perre.

"Os prefeitos estão muito perdidos, não tem um modelo pronto para seguir", diz Ilce Rocha (PSDB), prefeita de Vespasiano (MG), cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte com 127 mil habitantes.

A Prefeitura investiga 492 casos e diz que ainda não notificou nenhum exame positivo para covid-19. A cidade, porém, aparece na contabilidade do Ministério da Saúde com uma confirmação.

A prefeita diz que, por ter a epidemia até agora sob controle na cidade, afrouxou regras de isolamento social, mas pode voltar a adotar restrições, a depender da evolução do cenário epidemiológico.

"Estamos sempre orientando a população, os fiscais estão verificando o uso de máscara nos comércios, embora esteja sendo muito difícil o distanciamento social principalmente nos bancos, com filas para os saques de R$ 600 [de auxílio do governo]", ela afirma.

Rocha conta que os prefeitos da Grande Belo Horizonte têm se reunido com representantes do governo estadual, cobrando parâmetros mais claros. Também têm pedido melhoria no diálogo com o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS).

"As TVs e rádios normalmente seguem as diretrizes de BH e os municípios menores não têm os mesmos recursos, têm dificuldade para divulgação", diz a prefeita. As informações são do UOL.

Petrolina (PE) confirma mais 4 casos do novo coronavírus e total vai a 34




Os casos positivos do novo coronavírus (Covid-19) em Petrolina subiram para 34 nesta quinta-feira (30). São mais 4 pessoas que testaram positivo para a doença na cidade nas últimas 24 horas – todas do sexo feminino. Três pacientes (de 09, 25 e 48 anos) foram testagem rápida e uma (12 anos) diagnosticada através do exame realizado pelo laboratório do governo do estado.

Nenhuma morte pela Covid-19 foi registrada até o momento. Agora são 13 casos considerados curados clinicamente.

SRAG

O boletim com dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) aponta que 12 casos são investigados e 30 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de 1 óbito. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Prefeitura de Petrolina (PE) contabiliza 30 casos confirmados de coronavírus




A Prefeitura de Petrolina confirmou, nesta quarta-feira (29), mais um resultado positivo para Covid-19 através de testagem rápida. Com isso, o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus na cidade subiu para 30; destes, 16 foram confirmados através de testes rápidos feitos pela prefeitura e 14 diagnosticados através do exame realizado pelo laboratório do governo do estado. A boa notícia é que o município também registrou mais uma cura clínica. Com isso, já são 10 pacientes recuperados, sem nenhum óbito.

O novo caso positivo, apresentou em seu resultado anticorpos de memória. Ou seja, estava positiva, mas agora já está curada. Trata-se de uma mulher de 61 anos, que estava em isolamento domiciliar e foi monitorada pela equipe de saúde da rede municipal. Os familiares e pessoas que tiveram contato com ela também foram acompanhados.

SRAG

O boletim com dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) aponta que 11 casos são investigados e 30 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de 1 óbito. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Prefeitura Petrolina(PE) confirma mais um caso positivo de coronavírus e celebra número de curados




Petrolina registrou mais um caso positivo do novo coronavírus (Covid-19). A confirmação saiu nesta segunda-feira (27), após a realização do teste rápido. Trata-se de uma mulher de 43 anos, que está em isolamento domiciliar e sendo monitorada. Com isso, o número de infectados pela Covid-19 sobe para 29 no município, sendo que 15 foram confirmados através de testes rápidos feitos pela prefeitura e 14 diagnosticados através do exame realizado pelo laboratório do governo do estado.

Curas clínicas

A boa notícia é que o número de pacientes curados aumentou. Agora são 9 recuperados, sem nenhum óbito. “Hoje, mais um paciente que havia recebido alta da UTI na rede privada, em 14 de abril e continuava em recuperação domiciliar, foi testado com teste rápido e também seu contato domiciliar que havia testado positivo para a Covid-19 e ambos apresentaram resultados negativos. Tivemos também a feliz notícia de um paciente de UTI, de outro hospital privado, que também recebeu alta e continuará sua recuperação em domicílio”, celebra a secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque.

A gestora da pasta ainda destaca o comprometimento dos profissionais. “Ratifico o trabalho e comprometimento dos profissionais de saúde, que estão empenhados e continuam oferecendo assistência necessária à população, bem como todos os esforços que se tornam indispensáveis nesse momento. Continuamos na luta para deter o contágio e prevenir o risco para a saúde pública, seguindo as indicações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e das autoridades políticas nacionais e internacionais. Novamente em nome de todos que fazem a Secretaria Municipal de Saúde, venho expressar nossa felicidade por mais uma cura hospitalar. Comemoramos o nosso segundo ‘COMVIDA-20’”, finaliza.

SRAG

Com relação aos dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim aponta que 11 casos são investigados e 29 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de 1 óbito. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Prefeitura de Petrolina (PE) contabiliza 28 casos confirmados de coronavírus




A Prefeitura de Petrolina recebeu, neste domingo (26), mais um resultado positivo para Covid-19 de teste realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE). Com isso, o número de casos confirmados do novo coronavírus na cidade subiu para 28; destes, 14 foram confirmados através de testes rápidos feitos pela prefeitura e 14 diagnosticados através do exame realizado pelo laboratório do governo do estado. Petrolina já registra 7 curas clínicas, sem nenhum óbito.

O novo caso positivo trata-se de um homem, de 37 anos. Ele está em isolamento domiciliar, sendo monitorado pela equipe de saúde da rede municipal. Os familiares e pessoas que tiveram contato com ele também estão sendo acompanhados.

SRAG

Quanto aos dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim aponta que 11 casos são investigados e 29 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de 1 óbito. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Petrolina de Petrolina (PE) confirma mais um caso positivo do coronavírus




A Prefeitura de Petrolina confirmou, nesta segunda-feira (20), mais um caso positivo do novo coronavírus (Covid-19). A confirmação foi feita através de testagem rápida. O paciente é um homem, de 51 anos, que está internado no Hospital Universitário (HU). Ele estava notificado como Síndrome Respiratória Aguada Grave (SRAG) e também aguarda resultado do exame realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE).

Com isso, o município agora conta com 16 casos positivos da doença, sendo que 8 foram confirmados através de testes rápidos feitos pela prefeitura e 8 diagnosticados através do exame realizado pelo laboratório do governo do estado.

A prefeitura aguarda resultados de outros exames feitos pelo estado e vai continuar realizando os testes rápidos em pessoas que já vinham sendo monitoradas pela equipe de saúde da rede municipal. Nenhuma morte causada pela Covid-19 foi registrada até o momento.

SRAG

Quanto aos dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim aponta que 8 casos são investigados e 29 foram descartados. Confirmados somam 9 casos, além de 1 óbito. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Prefeitura de Petrolina (PE) confirma sexto caso do novo coronavírus





A Prefeitura de Petrolina confirmou, na tarde desta segunda-feira (13), mais um caso positivo do novo coronavírus (Covid-19) no município, após resultado de exame. O sexto caso trata-se de uma mulher de 30 anos, que teve contato com o segundo caso confirmado na cidade.

Assim como a quinta paciente testada positivo para Covid-19 em Petrolina, cujo resultado também saiu nesta segunda-feira, a sexta paciente também está em isolamento domiciliar, sendo monitorada por uma equipe de saúde da rede municipal. As pessoas que tiveram contato com esta mulher também estão em isolamento domiciliar e sendo acompanhadas.

Dos seis casos confirmados da Covid-19 em Petrolina, um já está recuperado. Três pacientes estão internados em hospitais das redes pública e privada, sendo acompanhados e monitorados. Os familiares desses pacientes também são acompanhados pela equipe de saúde da rede municipal. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Prefeitura confirma quarto caso positivo da Covid-19 em Petrolina (PE)




A Prefeitura de Petrolina confirmou, no final da manhã nesta quinta-feira (9), o quarto caso de infecção pelo novo coronavírus (Covid-19) na cidade. O paciente, de 68 anos, tem histórico de viagem a Fortaleza (CE), onde teve contato com caso confirmado da doença.

Ele já vinha sendo monitorado pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde e fez o exame no último dia 3 de abril. O paciente está internado em isolamento em um hospital da rede privada de Petrolina.

O homem está recebendo assistência necessária da equipe médica da unidade, bem como sendo monitorado pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde. As pessoas que tiveram contato com este paciente estão em isolamento domiciliar e sendo monitoradas, como recomenda o Ministério da Saúde.

Dos quatro casos testados positivo para Covid-19 em Petrolina, um já está recuperado. Os outros pacientes estão internados em hospitais das redes pública e privada, sendo acompanhados pela equipe da rede municipal de saúde, assim como seus familiares. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Boletim: Prefeitura de Petrolina (PE), descarta mais um caso suspeito da Covid-19




A prefeitura de Petrolina informa que o boletim da Covid-19 desta terça-feira (31) traz uma boa notícia: o descarte de mais um caso suspeito que estava em investigação. Com isso, restam 7 casos suspeitos, enquanto 12 já foram descartados. Petrolina continua com 2 confirmações do novo coronavírus, sem nenhum óbito.

Sobre a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim teve uma alteração nas últimas 24 horas. Descartados somam 13 casos, enquanto 9 estão em investigação e 6 testaram positivo. A Secretaria Municipal de Saúde continua monitorando todos os casos suspeitos e confirmados dessas doenças. As informações são da Prefeitura de Petrolina / PE.

Prefeitura confirma segundo caso positivo de coronavírus em Petrolina (PE)



Foto: Jonas Santos/PMP

A Prefeitura de Petrolina confirmou, nesta quarta-feira (25), o segundo caso de paciente contaminado pelo novo coronavírus (Covid-19) no município. Trata-se de um homem, de 53 anos, com histórico de viagem recente a outros estados do país. O paciente está internado em um hospital da rede particular e seu estado de saúde é considerado estável. Ele continua recebendo toda assistência necessária da equipe médica da unidade, bem como sendo monitorado pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde. As pessoas que tiveram contato com este paciente estão em isolamento domiciliar e sendo monitoradas, como recomenda o Ministério da Saúde.

"Foram notificados mais 2 pacientes com suspeita de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), já com exames coletados. Um paciente recebeu alta e encontra-se em isolamento domiciliar, sendo monitorado pela Secretaria de Saúde. O outro segue internado e ambos aguardam o resultado do Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE). Temos 14 casos de SRAG em investigação, sendo 1 deles já confirmado para Influenza A e outro anteriormente para H1N1. Nenhum óbito relacionado a essas doenças foi registrado na cidade. Não é preciso pânico, pois a prefeitura tem um grupo que avalia e monitora toda a situação”, destaca a secretária de Saúde, Magnilde Albuquerque. reforça a secretária.

A prefeitura reforça a recomendação para que a população permaneça em casa, em isolamento social, a fim de evitar a propagação do coronavírus. Destaca também que está dedicando todos os esforços para manter sob controle a proliferação do vírus na cidade. Com essas duas confirmações da Covid-19, restam 8 casos suspeitos, enquanto 11 já foram descartados até o momento. As informações são da PMP.

Irmã de paciente com coronavírus é o segundo caso positivo em Juazeiro (BA)



Foto: Reprodução

A Secretaria Municipal da Saúde torna público que Juazeiro registra nesta terça-feira (24), o segundo caso confirmado de coronavírus. Trata-se de uma mulher, irmã do primeiro caso registrado nesta segunda-feira (23). A mulher também estava em viagem por área de transmissão e desde a chegada a Juazeiro está em quarentena. A equipe de Vigilância Epidemiológica está acompanhando os casos registrados na cidade. Os dois pacientes estão assintomáticos, sem complicações ou agravos de saúde.

Hoje (24), a atualização de dados conta com 39 notificações para H1N1, destes nove estão confirmados, inclusive com dois óbitos. Outros oito resultados já foram descartados e 22 continuam em investigação. Para o coronavírus, Juazeiro tem: 15 notificados, seis descartados, sete em investigação pelo Laboratório Central (LACEN) em salvador e dois confirmados e nenhum óbito.
As informações são da Prefeitura de Juazeiro/BA.

Petrolina (PE) tem primeiro caso confirmado do novo coronavírus



(Foto: Divulgação PMP)

A Prefeitura de Petrolina informa que recebeu, nesta segunda-feira (23), o exame que confirma o primeiro caso do novo coronavírus (Covid-19) no município. Trata-se de uma paciente com histórico de viagem ao exterior, que fez o exame no último dia 17 de março e se encontra em isolamento domiciliar, sendo acompanhada pela equipe da Secretaria de Saúde.

“Recebemos três resultados hoje, sendo dois descartados e um positivo. A paciente testada como positivo está em quarentena, seu estado de saúde é estável e nossos profissionais continuam realizando o acompanhamento de perto. Ressaltamos que não há motivos para pânico, mas é preciso que as pessoas se mantenham em casa como forma de prevenção às doenças respiratórias, conforme vem sendo recomendado”, destaca a secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque.

Até o momento, Petrolina tem 14 casos suspeitos da Covid-19. Sobre o H1N1, são 9 notificações, sem nenhuma confirmação da doença até o momento. As informações são da PMP.

Itapira (SP): Madrasta de Ísis Helena fornece imagem e comenta post em rede social



Foto: Reprodução / Record TV

Depois de ver seu nome no meio das investigações do desaparecimento da bebê Ísis Helena, Manoella Martins, namorada de Rafael, o pai da criança, procurou imagens de câmeras de segurança que mostram seu trajeto na manhã do sumiço.

As imagens provariam que ela esteve longe da casa de onde Ísis foi levada na ocasião. Em entrevista ao Cidade Alerta, Manoella também comentou postagens no Facebook que foram interpretadas como ameaças a Jennifer, ex de Rafael e mãe de Ísis. (Veja o vídeo).

E veja também: novas buscas em área de mata em Itapira (SP). As informações são do R7 / Cidade Alerta.

Caso Beatriz: Delegada Polyanna Neri deixa o comando das investigações



A delegada comandava as investigações desde novembro de 2017. — Foto: Taisa Alencar / G1

Em nota, a Polícia Civil de Pernambuco informou que quem passa a assumir o caso são os delegados Isabella Cabral Fonseca Pessoa e João Leonardo Freire Cavalcanti. A nota enfatizou que a polícia está empenhada na elucidação do crime.

Após o anúncio da saída da delegada, os pais de Beatriz Angélica Mota, Lucinha Mota e Sandro Romilton, também emitiram uma nota. Eles repudiaram a atuação da Polícia Civil e os rumos da investigação.

Confira a nota completa da Polícia Civil de Pernambuco

"A Polícia Civil de Pernambuco esclarece que continua em tramitação o Inquérito Policial que apura o homicídio de que foi vítima a criança BEATRIZ ANGÉLICA MOTA, havendo total empenho na elucidação do crime, inclusive com composição de uma Força Tarefa integrada por quatro delegados designados para o caso, por determinação da Chefia de Polícia através da Portaria no 235/2019. Importante destacar que todas as autoridades policiais designadas para a Força Tarefa o foram por possuírem notável experiência no âmbito de investigações de crimes violentos contra a vida.

A Delegada Francisca Polyanna Neri, conforme a mencionada portaria, integrou a referida Força Tarefa desde sua implementação, na qualidade de presidente do Inquérito Policial, atuando no caso com os outros três delegados.

Ocorreu que, em fevereiro de 2020, a citada delegada, por sua própria iniciativa e de forma espontânea, requereu seu afastamento do caso, sendo, portanto, necessário a revogação daquela portaria e a consequente designação de outra autoridade policial para substituí-la. Diante disso, a Chefia de Polícia acatou o requerimento, e assim sobreveio a Portaria n. 051/2020, que mantém a conjunta de Força Tarefa composta por quatro delegados, agora designando os delegados Isabella Cabral Fonseca Pessoa e João Leonardo Freire Cavalcanti para prosseguir na presidência do Inquérito Policial.

Com relação à investigação propriamente dita, o trâmite segue sob o manto do segredo de justiça que não autoriza quaisquer divulgações.

Apesar dos desafios, a PCPE tem plena confiança que o caso será elucidado, trazendo justiça para os familiares e a sociedade."


Confira a nota completa dos pais de Beatriz

"Vimos através dessa nota apresentar nosso sentimento de indignação e grande insatisfação com a atuação da Polícia Civil de Pernambuco e com os rumos da Investigação do Caso da nossa filha Beatriz.

Quando observamos a falta de recursos e de pessoal capacitado para desenvolver algumas perícias, bem como a falta de idoneidade de alguns agentes que comprometeram as investigações, pedimos ajuda diretamente (pessoalmente) ao Governador Paulo Câmara para dar suporte à delegada Poliana Nery, que vinha realizando até então um bom trabalho, como também celeridade na denúncia contra o perito Diego Leonel, que recebeu dinheiro do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora através de (trabalho particular).

O Governador se comprometeu conosco, mas não cumpriu com nossos combinados em reunião.

É preocupante a saída da delegada Poliana Nery, pois a mesma tem uma linha de investigação muito forte e que acreditamos que leva a conclusão do caso. OU SERÁ PORQUE ELA INDICIOU MAIS DOIS FUNCIONÁRIOS DO COLÉGIO AUXILIADORA?

Não pedimos ao Governador a entrada de novos delegados. Não temos confiança na entrada de novos delegados. Não vemos isso com bons olhos.

Diante de tudo isso que vem acontecendo só fortalece ainda mais a necessidade da FEDERALIZAÇÃO das investigações.

Estamos aguardando a Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Câmara Federal realizar a audiência pública e dar continuidade ao processo."
  As informações são do G1 Petrolina.

Caso Ísis Helena continua repleto de mistérios em Itapira (SP)



(Foto: Reprodução / Record TV)

Oito dias depois do desaparecimento da bebê Ísis Helena, de 1 ano e 10 meses, em Itapira (SP), a polícia ainda não consegue responder a principal pergunta de todos: como a menina sumiu? Pistas falsas, buscas que não levam a nenhuma informação nova e contradições aumentam as dúvidas a cada dia. Acompanhe as últimas informações. no ao Cidade Alerta.

Polícia Civil prende homem suspeito do desaparecimento de empresária em Porto Ferreira (SP)



 Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução, G1

A Polícia Civil de Porto Ferreira (SP) prendeu, na manhã deste sábado (29), um homem suspeito de envolvimento no desaparecimento da empresária Lucilene Maria Ferrari, de 48 anos. Ele é sócio da mulher em um hotel da cidade e a investigação do caso acontece em segredo de Justiça.

Desaparecimento na véspera de Natal

Lucilene desapareceu no dia 24 de dezembro e o próprio sócio registrou o caso na delegacia dois dias depois, segundo a advogada da família, Sandra Petorini.

A Polícia Civil abriu inquérito e interrogou o homem, mas ele entrou em contradição, segundo a advogada.

“O Vanderlei disse que ela iria passar a véspera do Natal com a família em Descalvado, mas é mentira porque a mãe dela conversou com ela no dia 24 de dezembro, na hora do almoço, dizendo que estava indo para Descalvado. Perguntou se ela queria ir junto e a Lucilene disse que não, que ela iria passar o Natal com o Vanderlei”, disse a advogada.

Ainda segundo a advogada, a localização do celular de Vanderlei aponta que ele estava em uma área de mata no dia 25 de dezembro. Contudo ele afirma que estava no hotel. A polícia também coletou amostras de sangue no hotel, mas os resultados não foram divulgados, segundo Sandra.

“Agora, o delegado, valendo-se de perícias e provas técnicas colhidas nos autos, além de todas as contradições que o Meneses apresentou durante o período em que foi ouvido, chegou a conclusão e decretou a prisão dele, mas ainda não está fechado o inquérito”, afirmou.

Prisão

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, a Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão temporária expedido pela 2ª Vara Criminal, mas não detalhou a acusação.

“O suspeito foi encaminhado para realização de exame de corpo de delito e permaneceu detido à disposição da Justiça. As investigações prosseguem pela Delegacia de Porto Ferreira, em segredo de Justiça”, informou em nota.

Família espera encontrar corpo

A família suspeitava de Vanderlei desde o início da investigação. Primo da empresária, disse que a prisão foi um alívio. Ele afirma que o homem nega, mas se relacionava com a prima há 3 anos.

“Pelas provas e vídeos que temos, nós temos certeza de que ela foi assassinada, agora nós queremos encontrar o corpo, ver o que ele fez”, disse.

Caso Lucilene: ossada é encontrada no local das buscas



Foto: Reprodução Record TV

Familiares de Lucilene, a dona de um hotel desaparecida desde o Natal, receberam a informação de que uma ossada foi encontrada em área de mata em Porto Ferreira (SP). O local é perto de onde o celular de Vanderlei emitiu sinal na noite do sumiço. Agora, a família aguarda a chegada da perícia, mas ainda não sabe sequer se é uma ossada humana ou de animal. As informações são do R7.