Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

(Reprodução da Internet)


O consumo de açúcar atualmente é cerca de 75 kg por ano, por pessoa. Um número assustador, que está ligado às epidemias que vivemos, como obesidade, diabetes, doença cardiovascular e câncer.
Além disso, esse hábito faz você ganhar peso e está afetando a sua vida amorosa de um modo que você nem pode imaginar. Na verdade, o açúcar refinado pode levá-lo a problemas de impotência, como disfunção erétil.
O excesso de glicose e frutose, segundo o Journal of Clinical Investigation, pode desativar os genes que controlam a quantidade de hormônio sexual no seu sangue. Quando o fígado metaboliza esses açúcares, desativa o gene de SHBG (globulina ligada a hormônio sexual).

Porque o SHBG é tão importante?

Ela ajuda na regulação da circulação dos hormônios na corrente sanguínea. Sem SHBG para ajudar os hormônios, e, sem hormônios sexuais,“saia do jogo”, pois haverá certamente redução de libido ou impotência no homem.
Para as mulheres, o efeito desse hormônio desequilibrado é ainda pior. Além de causar problemas com a glicemia, como diabetes (que na mulher reduz a libido), o SHBG baixo pode causar infertilidade, ovários policísticos, acne e câncer uterino.
Se você está tendo controle da sua vida sexual, uma das primeiras ações é começar a evitar açúcar e xarope de milho rico em frutose. Se você gosta de adicionar açúcar à sua alimentação, pense em stevia, um adoçante natural, que é usado há centenas de anos, sem efeito colateral.
Você pode usá-lo para adoçar o chá, a limonada e até a comida. Ele é cerca de 200 vezes mais doce que o açúcar, e chega a ficar até amargo na boca. Por isso, use em pequena quantidade.

3 Modos naturais de elevar a sua testosterona

1) Exercício e musculação

O exercício não só é efetivo em prevenir diversos tipos de doença, como é sabido que indivíduos que se exercitam regularmente têm níveis maiores de testosterona. O treino de alta intensidade, supra aeróbico, que recomendo, é uma modalidade de HITT (high intensity interval training) e pode ser bem efetivo nesse objetivo também. 

2) Tome sol ou use um suplemento de vitamina D

Além de ser uma vitamina que traz diversos benefícios para a saúde, é um estimulante natural de testosterona. Atualmente é muito frequente a deficiência de vitamina D. Em um estudo, com a suplementação por 12 meses de cerca de 3.000 ui de vitamina D por dia, a testosterona aumentou em 25%. Mas lembre-se de, no caso da suplementação, associar vitamina K2, magnésio e cálcio, para garantir o deposito da vitamina D no local correto. 

3) Repouso e sono de alta qualidade

Bom sono é muito importante para a sua saúde, assim como a alimentação e o exercício. Isso influencia os seus níveis de testosterona. Segundo estudo, cada hora a mais de sono que você agrega aumenta os níveis de testosterona em 15%.  As informações são do Dr.Rondó.

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você