Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]




Para atender as diretrizes da nova política pedagógica, que visa, entre outras ações, a alfabetização plena dos estudantes no segundo ano, a Secretaria de Educação instituiu o Sistema Avaliação de Petrolina (SIAP). O programa foi lançado na tarde desta quinta-feira (08), no auditório do Sest/Senat para uma plateia de professores, coordenadores e gestores.

De acordo com Cristiano Borges, a política de avaliação da Rede Municipal para o ano de 2017 tem como principal objetivo a melhoria da qualidade da aprendizagem. “A avaliação produzirá indicadores que contribuirão para o processo ensino aprendizagem, propondo, também, estratégias de intervenção pedagógica em tempo hábil, de forma que possa servir como instrumento norteador aos trabalhos dos gestores, coordenadores pedagógicos, professores e, consequentemente, ao sucesso dos alunos”, frisa.

Entre os dias 19 e 28 deste mês, 70 avaliadores vão percorrer 78 unidades escolares nas turmas de 1º e 2º ano, 463 ao total, aplicando um instrumento de avaliação oral. “É uma avaliação inédita. Um instrumento nunca utilizado em Petrolina e pouco usado no Brasil. Através de instrumentos pedagógicos vamos avaliar os níveis de leitura de palavras, frases e textos dos mais dos 10.391 alunos dessa faixa”, explica Cristiano. Em dezembro será realizada a segunda etapa das avaliações, desta vez aliada com a escrita.

Segundo a secretária de Educação, Maéve Melo, as avaliações que serão feitas pelo SIAP com os estudantes têm como finalidade fornecer informações consistentes, periódicas e comparáveis sobre a situação da Educação no município. “Esse monitoramento será capaz de orientar os agentes nela envolvidos quanto ao monitoramento das políticas voltadas para a melhoria da qualidade do ensino”, comenta.

"Todo mundo cobra por qualidade nos mais diferentes ramos de atividade e na gestão pública não pode ser diferente. Numa secretaria tão importante, que cuida das nossas crianças e do futuro de Petrolina, também deve ser assim. O objetivo do SIAP não é identificar problemas, mas buscar a melhoria permanente de nossa educação e assim permitir um ensino mais qualificado para todos os nossos estudantes", pontuou o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho.

O evento foi aberto com uma apresentação da camerata dos alunos da Escola Moises Barreto e contou com a participação de Klebson Barbosa e Mariana Silva, 1º e 2º lugares, respectivamente, no concurso Ler Bem, proclamando trechos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você