Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Everton comemorando o gol da vitória (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)


O Flamengo segue em recuperação no Campeonato Brasileiro e, neste sábado, venceu por 1 a 0 o Vasco, em São Januário. A vitória foi a quarta seguida dos rubro-negros na Série A e colocaram a equipe com 23 pontos, na vice-liderança da competição. Já os cruzmaltinos sofreram o segundo revés em casa, permanecem com 16 e devem sair da zona de classificação para a Libertadores.
O clássico foi disputado em ritmo lento, com muita marcação de ambas as partes. O Rubro-Negro teve mais posse de bola durante a partida e chegou ao gol da vitória no segundo gol, com Éverton.
Na próxima rodada, o Flamengo terá duelo direto contra o Grêmio, na Ilha do Urubu, nesta quinta-feira. Na quarta-feira, o Vasco vai até Salvador para enfrentar o Vitória.
O jogo – O clássico começou nervoso, com muitas faltas de ambas as equipes. Isso fez com que o confronto ficasse concentrado entre as intermediárias. O Flamengo tinha mais posse de bola, mas não passava pela marcação cruzmaltina. O Vasco tinha dificuldade em ficar com a bola, só que teve a primeira chance de gol, aos 20 minutos. Luís Fabiano arriscou de fora da área e a bola foi por cima do travessão.
O panorama da partida seguiu o mesmo, com muita correria e pouca emoção. Somente aos 37 minutos, o Flamengo teve sua primeira boa chance. Guerrero arriscou de fora de área, mas parou em boa defesa de Martín Silva.
Nos minutos finais, o Rubro-Negro esboçou uma pressão, mas continuou esbarrando na marcação vascaína. Assim, o clássico foi para o intervalo com o placar inalterado em São Januário.
O segundo tempo começou movimentado. Logo com um minuto, o Vasco assustou após cobrança de escanteio que Andrey cabeceou próximo ao gol. A resposta do time visitante veio no minuto seguinte. Mesmo sem ângulo, Guerrero chutou e obrigou Martín Silva a fazer a defesa.


Após o bom início, o clássico voltou a ficar nervoso e com muita marcação. Somente aos 18 minutos, o Flamengo voltou a chegar com perigo. Após saída errada do Vasco, a bola chegou em Diego, mas o meia chutou mal e deu chance de Martín Silva fazer a defesa. No entanto, em seguida, os rubro-negros abriram o placar em São Januário. Éverton Ribeiro cruzou pela esquerda na cabeça de Éverton, que colocou para a rede.
O revés fez o Vasco buscar o ataque. Tanto que aos 20 minutos, os cruzmaltinos quase empataram em belo chute de Luís Fabiano. O goleiro Thiago se esticou para fazer a defesa. O Flamengo respondeu três minutos depois em contra-ataque rápido. Éverton cruzou para Leandro Damião, que deu de calcanhar para Éverton Ribeiro. Só que o meia foi travado no momento da finalização.
Na parte final do jogo, os vascaínos passaram a pressionar em busca do empate. No entanto, os donos da casa esbarravam nos erros no setor ofensivo. O Flamengo preferiu recuar a administrou o resultado até o fim.
FICHA TÉCNICA
VASCO-RJ 0 X 1 FLAMENGO-RJ
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 8 de julho de 2017 (Sábado)
Horário: 18h(de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)
Renda: R$ 747.640,00
Público: 18.328 pagantes
Cartões amarelos: Paulão, Nenê, Andrey, Gilberto e Luís Fabiano (Vasco); Guerrero (Flamengo)
GOL: FLAMENGO: Éverton, aos 18min do segundo tempo
VASCO: Martin Silva, Gilberto, Paulão, Rafael Marques e Henrique, Wellington, Bruno Paulista (Andrey), Mateus Vital (Wagner), Yago Pikachu (Manga Escobar) e Nenê; Luis Fabiano
Técnico: Milton Mendes
FLAMENGO: Thiago, Rodinei, Rodholfo (Léo Duarte) (Romulo), Rafael Vaz e Miguel Trauco; Márcio Araújo, Gustavo Cuéllar, Everton Ribeiro, Diego e Everton; Paolo Guerrero (Leandro Damião)
Técnico: Zé Ricardo


Fonte: Gazeta Esportiva

Sobre montieur monteiro

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você