Slider[Style1]

Style10

impostometro de Petrolina

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Publicidade

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Três envolvidos na morte de investigador são presos (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)


Os três homens e um adolescente de 17 anos, suspeitos de envolvimento na morte do investigador Luiz Santos de Jesus, foram apresentados em coletiva à imprensa na manhã desta quarta-feira (13), na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Pituba, em Salvador.

Uma quinta pessoa, identificada como Adriano Luís Rocha Dantas, conhecido como “Pé de Ferro”, que também participou do crime, é procurada pela polícia. Uma das armas usadas pelo grupo, uma pistola calibre 380, foi apreendida e seguiu para a perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Segundo a polícia, Lucas Santos Oliveira, conhecido como “Nico”, de 22 anos, Uelton Santos de Oliveira, o “Camelo”, de 25, Josué Santos da Silva, o “Divinéia”, de 23, e o adolescente, interceptaram o veículo da vítima e anunciaram o assalto.

Ainda conforme a polícia, Lucas viu que o policial estava armado e atirou. O investigador estava com um casal de amigos e a mulher quando foi abordado pela quadrilha.

A polícia investiga outros crimes da quadrilha. De acordo com o delegado Odair Carneiro, um dos responsáveis pela investigação, o grupo é especializado em assaltos e todos os suspeitos têm passagens por roubo e tráfico de drogas. A área de ação do grupo é o bairro da Liberdade.

Os três presos foram encaminhados ao sistema prisional e vão responder por latrocínio e associação criminosa. O adolescente foi encaminhado para a Delegacia Para o Adolescente Infrator (DAI).

Prisões


As prisões ocorreram entre os dias 15 e 29 de agosto, conforme a polícia. Lucas foi preso no município de Sátiro Dias, a 205 km de Salvador. Uelton foi capturado em uma localidade conhecida como Lama Preta, em Camaçari, na região metropolitana. Já Josué, foi preso no Beco do Sabão, na Liberdade. A polícia não informou onde o adolescente foi apreendido.

Crime


Luiz Santos de Jesus, de 59 anos, foi baleado em Salvador (Foto: Divulgação / Sindipoc)

O investigador Luiz Santos, 59 anos, foi morto durante uma tentativa de assalto, ocorrida na Rua Lima e Silva. Conforme a polícia, a vítima estava com a mulher e um casal de amigos e foi baleada quando entrava no próprio veículo, após bandidos se aproximarem para roubá-la.

A arma da vítima, uma pistola ponto 40, foi recuperada pela polícia e encaminhada à perícia. Ele não reagiu ao assalto, mas, mesmo assim, foi alvejado. Ele chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Ernesto Simões, no bairro do Pau Miúdo, mas não resistiu aos ferimentos. O enterro foi no cemitério da Ordem Terceira de São Francisco, em Salvador. As informações são do G1 BA.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você