Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

A maioria das macas está retida nos hospitais da cidade. (Foto: John Pacheco/G1)


Nesta quarta-feira (11), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Petrolina, no Sertão de Pernambuco reduziu os serviços oferecidos à população da região.

Em nota enviada à imprensa, a Secretaria de Saúde do Município alegou que "as macas das ambulâncias saíram para ocorrências e ficaram retidas com pacientes nos hospitais da cidade“. A nota afirma também que a situação se agrava durante os finais de semana.

Atualmente o SAMU possui quatro ambulâncias e quarenta macas, mas apenas três estão disponíveis para atendimento.

Confira a nota completa

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e Emergência (SAMU) informa à população que se encontra com os serviços reduzidos, pois, as macas das ambulâncias saíram para ocorrências e ficaram retidas com pacientes nos hospitais da cidade.

Durante o fim de semana, as ocorrências, sobretudo acidentes, aumentam bastante, e, com isso, acontece a retenção de macas pelos hospitais, impedindo que as ambulâncias se desloquem do SAMU para atender aos chamados da população.



Fonte: G1 Petrolina


Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário