Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

(Foto: Google)

Médicos do Hospital Regional de Juazeiro (HRJ) entraram em greve, por tempo indeterminado, na manhã desta quinta-feira (4). Conforme informou o PNB no último dia 26 de junho, os funcionários estão sem receber os salários desde maio. 54 médicos da unidade pararam as atividades.

Em contato com o PNB, o delegado regional do Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (SINDIMED), Dr. José Carlos Tanuri Júnior, confirmou a paralisação da categoria pela falta dos salários. Segundo ele, o último pagamento foi efetuado no mês de abril. Os salários de maio e junho ainda estão pendentes. A categoria reivindica também melhores condições de trabalho.

Com a greve, apenas os serviços de urgência, para casos graves, estão funcionando normalmente. O ambulatório e as consultas e procedimentos eletivos estão suspensos.
A Secretária de Saúde da Bahia não se manifestou sobre a greve dos médicos do HRJ.

Greve

Em abril deste ano, os médicos da unidade também suspenderam os atendimentos. A paralisação decorreu por conta das precárias condições trabalho no hospital e da falta de pagamento dos salários, segundo o SINDIMED.

Atualmente o HRJ é administrado pela Associação de Proteção à Maternidade e à Infância Castro Alves (APMICA). A unidade hospitalar atende cerca de 55 municípios da região norte e do sertão pernambucano, que integram a Rede PEBA. As informações são do Preto no Branco Com Sibelle Fonseca.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário