Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Cidade de Dormentes-PE. (Foto: Ascom PMD/Divulgação)

Localizado no Sertão do São Francisco, o município de Dormentes (PE) não registra um único homicídio há mais de um ano. Além dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) – como são tecnicamente chamadas as mortes violentas –, também não há registros, nesse período, de ocorrências referentes a Crimes Violentos Patrimoniais (CVPs).

Esse trabalho da Polícia Civil (PC) vem sendo coordenado em Dormentes pelo delegado titular da 217ª Circunscrição, Ronaldo Luz Dantas, que também está em exercício cumulativo da 216ª Circunscrição. Juntamente com suas equipes de investigação, o delegado vem conseguindo dar as respostas à população, ao reduzir crimes de várias espécies, a exemplo dos CVLIs e CVPs. Além disso, houve uma significativa redução no número de roubos.
Em Afrânio (PE), na mesma região, apesar dos três homicídios ocorridos no primeiro trimestre desse ano, todos estão sendo investigados e bem encaminhados, haja vista o trabalho investigativo ser muito minucioso. Já em Dormentes os homicídios ocorridos até julho de 2018 encontram-se com mais de 50% dos casos individualizados e com suas devidas autorias noticiadas nos inquéritos policiais.

Vale destacar que muitas operações que trouxeram a redução de crimes contaram com participação da Polícia Militar, por meio do 2° BIEsp e 5° BPM, que colaboraram nestes índices.
Novas ações

Manobras investigativas serão implementadas pela a PC nessas duas cidade para garantir a continuidade dos índices em zero no que tange a CVLI e CVP, principalmente, em povoados e distritos que estão apresentando registros de crimes de pequeno potencial ofensivo – entre eles perturbação do sossego público, através de som automotivo, além de condução perigosa de veículos por conta de ingestão de bebidas alcóolicas por parte dos motoristas. As informações são do Blog do Carlos Britto.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário