Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]


Trabalhadores das obras de construção do novo Instituto Médico Legal (IML) de Petrolina(PE), decidiram cruzar os braços nesta quinta-feira (15), em protesto ao que consideram “falta de compromisso” por parte da empresa terceirizada – a Construtora AR. Segundo a categoria, a decisão tomada deve-se a algumas irregularidades que estariam sendo cometidas pela empresa.

Uma das principais reivindicações diz respeito ao atraso no pagamento dos salários dos trabalhadores, além de funcionários sem registro na carteira. O sindicato responsável pela categoria – Sinticon – alega também que a obra do IML está sem as adequações necessárias na área de segurança. O novo IML deveria estar concluído no final deste mês. As informações e foto são do Blog do Carlos Britto.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

Recomendados Para Você