Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Pacotes com aspecto de couro aparecem no litoral de Alagoas — Foto: Divulgação/Instituto Biota


Nas últimas horas, pacotes sem indicação de origem apareceram nas praias do litoral alagoano. De acordo com o Instituto Biota de Conservação, foram encontrados vários deles em diferentes trechos do estado entre quarta (24) e quinta-feira (25).

A suspeita inicial era de que o material seria couro prensado, mas o Biota diz não poder confirmar, pela análise inicial, que se trata de produto de origem animal.

“É um material bem resistente, altamente elástico, tem um pouco de mau cheiro, porém, a gente não consegue identificar se isso é de origem animal. Não me parece. Parece ser um produto sintético. Não parece couro, ao meu ver. Mas é uma incógnita”, explicou presidente do Instituto, Bruno Stephanis.

Os pacotes foram encontrados em praias de oito municípios de Alagoas.

“De ontem pra hoje, registramos em praias de Maceió, Jequiá, Marechal, Coruripe, Roteiro, Paripueira, Japaratinga e Feliz Deserto. Em Jequiá foram 2; em Roteiro, 3; em Maragogi, 8; em Feliz Deserto foram 9 e em Japarantinga, 10”, detalhou o biólogo.


Pacotes já foram encontrados em oito municípios alagoanos — Foto: Divulgação/Instituto Biota


Ainda conforme o Biota, a principal hipótese é que os pacotes tenham sido descartados ou caído de algum navio. O material será encaminhado ao Instituto do Meio Ambiente de Alagoas (IMA-AL) para avaliação.

A Capitania dos Portos informou à reportagem do G1 às 9h30 que há ocorrências também no estado do Ceará, mas que passaria detalhes sobre o caso por meio de nota. As informações são de Andréa Resende, G1 AL.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário