Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]


Dinheiro que seria roubado do banco foi apreendido. (Foto: Divulgação/ Polícia Militar)

A contagem do dinheiro que foi apreendido pela polícia após a tentativa de assalto ao banco do Nordeste, nesta terça-feira (19), revelou uma surpresa. Cerca de R$ 300 mil sumiram entre a apreensão e a contagem. Dois policiais militares foram presos administrativamente, por não terem realizado procedimentos regulamentares no local do crime.

“Eles não isolaram, alteraram o local do crime para chamar a perícia”, disse a tenente-coronel Elza Rodrigues, do Núcleo de Comunicação da Polícia Militar. Os policiais estão em prisão cautelar administrativa.

Família refém

Na manhã dessa terça-feira (19), a tesoureira do Banco do Nordeste foi sequestrada e levada até a agência para retirar dinheiro para a quadrilha. A Polícia Militar foi chamada ainda durante o assalto, e um dos assaltantes foi preso, carregando sacos plásticos cheios de cédulas.

De acordo com a tenente-coronel, o Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), juntamente com o Banco do Nordeste, apurou que foram retirados do banco cerca de R$ 700 mil. Entretanto o resultado da contagem do dinheiro apreendido totalizou cerca de R$ 400 mil.

Ainda de acordo com a tenente-coronel Elza, as policias Civil e Militar já adotaram providências para apurar o sumiço do dinheiro. Um inquérito policial foi instaurado, e está sob investigação da GRECO. As informações são do Andrê Nascimento, G1 PI.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário