Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

(Imagem: Reprodução / TV Globo)

Uma briga entre presos de grupos rivais deixou 10 mortos na manhã desta segunda-feira (29) na cadeia pública de Itapajé, a 125 km de Fortaleza.

A Secretaria da Justiça do Ceará informou que o conflito foi controlado no fim da manhã por policiais e agentes penitenciários do Grupo de Operações Regionais.

De acordo com a Delegacia Municipal da 3ª Região, a confusão começou por volta das 8h (9h de Brasília). Grades das celas foram serradas. Agentes penitenciários viram a confusão e acionaram o Batalhão da Polícia Militar.

O conflito ocorre dois dias depois de um grupo matar 14 pessoas em uma casa de shows de Fortaleza, na maior chacina da história do Ceará. A polícia investiga se a chacina tem relação com conflito de facções.

O presidente do Sindicato dos Agentes e Servidores Públicos do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp-CE), Valdemiro Barbosa, afirmou que o confronto desta segunda-feira ocorreu entre detentos pertencentes a facções rivais.

Com capacidade para até 25 detentos, a cadeia abrigava 113 presos, informou o sindicato.

O presidente do Sindasp-CE disse, ainda, que fugas foram registradas nesta segunda-feira em três cadeias públicas no Ceará. Primeiro, 10 presos fugiram da Cadeia Pública de Senador Pompeu, no Sertão do estado. Outras duas fugas foram registradas nos municípios de Caridade (Região Norte) e Cascavel (Região Metropolitana de Fortaleza). As informações são do G1 CE.


Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário