Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

(Montagem: Petrolina News)


O jogo mais esperado da história do Novo não terminou como o time de Campo Grande esperava. A equipe perdeu para o Salgueiro do Pernambuco e foi eliminada. A derrota veio logo no jogo de estreia do clube na Copa do Brasil. O Salgueiro avançou para a segunda fase e vai encarar o Fluminense do Rio de Janeiro. O Novo vai focar no estadual e ainda tem pela frente a Série D do Brasileirão.

PRIMEIRO TEMPO
Logo no início do jogo foi possível perceber o meio campo do Novo e o ataque jogando bem, com um bom toque de bola. Por outro lado, a defesa parecia não estar muito concentrada. E não demorou muito para os visitantes perceberem essa falha no time da casa. Após cobrança de escanteio, a bola ficou viva perto da grande área. Teve cruzamento na pequena área e Willian, sozinho, cabeceou para abrir o placar, aos 9 minutos. O Novo parecia não sentir o golpe, até que a defesa aprontou outra vez. Andreson tentou recuar para o goleiro Jeferson e tocou forte. A bola passou pelo arqueiro, que tentou corrigir a jogada, mas não alcançou a bola. Fabiano não perdoou e mandou para a rede. Dois a 0 aos 32 minutos. Quase no fim do primeiro tempo, Sadan fez ótima jogada e acertou a trave. Após cobrança de escanteio, Gibran aproveitou o rebote e conseguiu descontar para o Novo.

SEGUNDO TEMPO
O Novo voltou bem na segunda etapa. Aos seis minutos, Cristian recebeu o cruzamento açucarado dentro da pequena área, mas pegou na orelha da bola e perdeu uma ótima oportunidade. Aos 16 minutos, o Novo fez um golaço. Wesley deu um lindo toque de calcanhar, Jonatan ajeitou e chutou muito forte, de fora da grande área, para empatar a partida. Aí veio a polêmica da partida. Sadan fez linda jogada, invadiu a pequena área, driblou o zagueiro e chutou para o gol. Mondragon fez a defesa parcial. A bola ficou quase em cima da linha. Cristian tentou completar e o goleiro reclamou de falta, que não existiu, mas o juiz marcou e anulou o que seria o gol da virada do Novo. Na sequência, o volante Escuro cobrou a falta de muito longe, no cantinho e o goleiro Jeferson não conseguiu chegar na bola. Golaço do Salgueiro. O Novo ainda conseguiu levar perigo ao gol adversário, mas ficou nisso, Novo 2, Salgueiro 3. As informações são do GloboEsporte.com




Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário