Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians


Neste domingo (03), no Maracanã, o Corinthians foi derrotado pelo Flamengo por 1 a 0, pela nona rodada do Brasileirão. Com o resultado, o Alvinegro segue com 14 pontos, na sétima posição* no Nacional. Agora, o Timão volta a campo na quarta-feira (06), contra o Santos, na Arena Corinthians.

Timão escalado
O Corinthians foi a campo no Maracanã com Walter; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel, Maycon, Jadson e Rodriguinho; M. Vital e Pedrinho. No banco, à disposição de Osmar Loss, estavam Caíque, P. Henrique, Léo Príncipe, J. Capixaba, Paulo Roberto, Thiaguinho, M. Gabriel, Matheus Matias, Kazim, J. Dutra e Roger.

Primeiro tempo

O jogo começou com o Flamengo no ataque e o Coringão explorando os contra-ataques. O Timão fez sua primeira investida na frente aos quatro minutos, com tabela de Sidcley e Rodriguinho, mas a zaga do Flamengo afastou. Aos 10, Pedrinho achou bem Jadson pela direita, que cruzou para Rodriguinho, mas a defesa rubro negra rebateu.

Aos 12, o Timão chegou com Rodriguinho e Vital, que invadiu a área pela esquerda e cruzou. A bola desviou no zagueiro adversário e sobrou para Jadson, que chutou em cima do defensor flamenguista. Aos 26, o camisa 10 Alvinegro avançou pelo meio e achou Vital dentro da área. O camisa 22 girou bem e bateu cruzado, mas a zaga rubro negra rebateu. Em seguida, Pedrinho e Rodriguinho tabelaram na entrada da área e o camisa 26 chutou, novamente em cima da zaga.

Três minutos depois, Pedrinho arriscou de longe, mas o goleiro Diego Alves defendeu. Aos 30, Jadson recebeu passe de Pedrinho, limpou e chutou colocado. Diego Alves fez mais uma defesa. Após a jogada, o meia corinthiano sentiu lesão e precisou ser substituído por Roger.

Na segunda metade da primeira etapa, o Timão melhorou e criou mais que os donos da casa. Em seu primeiro lance no jogo, Roger recebeu cruzamento de Rodriguinho, mas a zaga do Flamengo afastou. Aos 37, Rodriguinho tocou para Vital, que tentou o chute, mas a bola desviou na zaga e saiu para escanteio. Dois minutos depois, Gabriel arriscou bom chute de longe e Diego Alves espalmou. Antes do fim do primeiro tempo, Sidcley avançou pela esquerda e cruzou rasteiro para Roger, que tocou por cima do gol rubro negro.

Segundo tempo
Aos cinco, o Timão chegou ao ataque com Pedrinho, que cruzou na área, mas a zaga rubro negra afastou. Aos sete, o camisa 38 recebeu de Maycon e chutou, de fora da área, à direita do gol de Diego Alves. Em seguida, Rodriguinho passou para M. Vital, travado por Paquetá antes de concluir ao gol. As duas equipes trocavam posses de bola, sem criar grandes chances de perigo. Aos 21, Roger recebeu de Rodriguinho e arriscou chute, desviado na zaga rubro negra.

Aos 29 minutos, Osmar Loss colocou Marquinhos Gabriel no lugar de Pedrinho. Na sequência, o camisa 31 chegou pela esquerda e cruzou, mas a zaga do Flamengo colocou para escanteio. Na cobrança de Vital, melhor para o goleiro Diego Alves. Aos 35, o time da casa puxou contra-ataque com Diego e, após Walter espalmar chute de Paquetá, Felipe Vizeu fez o gol dos cariocas.

Aos 39, Maycon cobrou falta pela direita e Diego Alves afastou. No rebote, Sidcley chutou, mas a zaga rubro-negra colocou pra fora. Aos 41, Osmar Loss sacou Gabriel e colocou o atacante Kazim. Nos acréscimos, M. Gabriel passou pra Mantuan que cruzou e a zaga colocou para escanteio. Após cobrança de escanteio, Rodriguinho tentou uma bicicleta, a bola sobrou para Henrique, que deu um chute em direção ao gol. A bola foi afastada pela zaga flamenguista e voltou para Roger, mas o árbitro Anderson Daronco apitou o fim do jogo antes do término da jogada.

AfroReggae

O Timão estampou o Grupo Cultural AfroReggae na camisa neste domingo (03), como forma de celebrar e promover os 25 anos de trabalho do projeto social em prol de crianças e jovens. Além disso, 25 crianças atendidas pela ONG foram ao Maracanã para acompanhar o clássico das multidões, numa iniciativa do Timão com o AfroReggae.

Para Luis Paulo Rosenberg, diretor de marketing do Corinthians, a exclusão e as diversas privações sociais podem fazer de crianças e jovens vítimas fáceis para contribuir com a criminalidade. “Celebrar os 25 anos do AfroReggae é celebrar a resistência. Juntos, sabemos que é possível mudar o mundo a partir da rua, da quebrada e transformar a dura realidade a que crianças e jovens são submetidos nas periferias das grandes cidades”, afirma Rosenberg.

Segundo José Júnior, fundador do AfroReggae, a parceria com o Timão no ano que a ONG comemora 25 anos, em meio a crise atravessada pelo país, é uma possibilidade de ampliar o legado e a mensagem que o Grupo tem deixado ao longo da sua historia. “Nós já nos consideramos uma ‘Embaixada do Corinthians’ aqui no Rio e em breve iremos fazer um trabalho juntos em Itaquera, com os jovens daquela região”, adianta Júnior.

Próximos jogos
O próximo compromisso do Timão acontece na quarta-feira (06), às 21h, contra o Santos, na Arena Corinthians, pela décima rodada do Brasileirão. Depois, o Alvinegro recebe o Vitória (BA), no sábado (09), no mesmo horário, em Itaquera. Os ingressos para essas duas partidas estão à venda no fieltorcedor.com.br (sócios) e no ingressoscorinthians.com (não-sócios).

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário