Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Corinthians é o atual campeão brasileiro (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Evidenciada com a falta de poderio para manter suas principais peças do elenco, a crise financeira vivida pelo Corinthians nos últimos anos não parece ter afetado a imagem da marca do clube paulista no cenário internacional. Isso porque, em uma lista divulgada pela Forbes com os clubes mais valiosos do continente americano, o atual campeão brasileiro aparece na liderança pela quinta vez consecutiva.

A elaboração do ranking pela edição mexicana da revista leva em consideração três aspectos: o valor do plantel, levando em consideração apenas os jogadores com contrato definitivo, o valor da marca do clube, a incluir rendimentos a partir de patrocínios e direitos de televisão, e o custo do estádio, caso o clube seja dono da propriedade.

Dessa forma, o o estudo coloca o Corinthians na liderança da lista com um valor total de 462,2 milhões de dólares (cerca de R$ 1,73 bilhão), seguido por seu arquirrival Palmeiras, segundo colocado, com 424,1 milhões de dólares (cerca de R$ 1,59 bilhão), boa parte da quantia impulsionada pelo Allianz Parque. A diferença entre os dois times é de 38,1 milhões (R$ 142,82 milhões).

Além do alvinegro e do alviverde, um time da Liga de Futebol dos Estados Unidos (MLS) completa o pódio dos três primeiros colocados. Trata-se do Los Angeles FC, com um valor total de 406 milhões milhões de dólares (cerca de R$ 1,52 bilhão).

O único brasileiro além dos dois times paulistas no Top 10 é o Grêmio, ocupando a quinta posição. O atual campeão da Copa Libertadores possui um valor de mercado de 313 milhões de dólares (cerca de R$ 1,17 bilhão). Dos outros clubes entre os 20 mais valiosos, três disputam o Brasileirão: Flamengo, 14º com R$ 659,39 milhões, o São Paulo, 17º, com R$ 586,63 milhões e, por fim, o Atlético Paranaense, 20º com rendimentos de R$ 413,71 milhões.

A publicação ainda revela que o valor somado dos 50 times mais valiosos das Américas chega aos 7,32 bilhões de dólares (cerca de R$ 27,44 bilhões), ou seja, um crescimento de 21% em relação ao ano passado. Ainda sobre a publicação do último ano, três times deixaram os 10 primeiros: Orlando City e Galaxy, dos Estados Unidos, e o Santos, do México. Em seus lugares estão Los Angeles FC e New England Revolutions, ambos da MLS, e o Boca Júniors, da Argentina. As informações são da Gazeta Esportiva.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário