Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Galpão fornecia combustível ilegalmente no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um homem foi preso e outros quatro foram autuados em um galpão de armazenamento e venda ilegal de combustíveis na zona rural do Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife. O espaço, às margens da BR-101, foi localizado por policiais civis na quinta-feira (4). A ação foi divulgada nesta sexta (5).

Segundo a Polícia Civil, o galpão estava equipado com bombinhas, mangueiras. Também havia um compressor para auxiliar na retirada do combustível dos caminhões-tanque.

Durante o flagrante, equipes da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas montaram uma campana numa área próxima ao galpão e localizaram um caminhão-tanque de onde era retirado o combustível para a venda ilegal. Ao perceber a presença dos policiais, o motorista fugiu. O homem, no entanto, já foi identificado pelos policiais.

O proprietário do galpão, um homem de 39 anos, foi autuado por receptação qualificada, armazenagem e revenda ilegal de combustível, crimes previstos na Lei de Estoque de Combustível. O homem deve ser encaminhado a uma audiência de custódia.

Outras quatro pessoas, que chegaram ao galpão durante a presença dos policiais para abastecer os veículos, foram autuadas pelas equipes. Os compradores sabiam da origem clandestina do produto e foram presos por tentativa de receptação, mas foram liberados após pagarem fiança.

Segundo a Polícia Civil, os delegados responsáveis pela operação devem encaminhar um ofício ao Corpo de Bombeiros e à Secretaria da Fazenda de Pernambuco, para que o galpão seja interditado pelas irregularidades e por questões tributárias.

Outro galpão

Na quarta (3), uma operação policial contra a comercialização e o armazenamento ilegal de combustível em um galpão clandestino localizado em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, resultou na prisão de quatro homens. De acordo com a Polícia, o grupo tem envolvimento no desvio de um caminhão-tanque com 30 mil litros de óleo diesel. As informações são do G1 PE.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário