Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

(Foto: Divulgação/SSP-BA)


O trabalho integrado da Secretaria da Segurança Pública, desta vez através da PM, com a Polícia Federal, resultou na localização de R$ 30 milhões em pasta base de cocaína. A carga de aproximadamente 1,5 tonelada representa o maior prejuízo para o tráfico de drogas, no ano de 2018.

Guarnições da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Caatinga, das Rondas Especiais (Rondesp) Norte e da PF de Juazeiro receberam a informação anônima de que um caminhão, vindo de São Paulo, transportava um grande montante de drogas para cidades nordestinas.

Com trabalho de vigilância, as equipes montaram bloqueios, na BR-407, e conseguiram interceptar dois caminhões, na noite de sexta-feira (23). Um veículo fazia a escolta e o outro levava escondido, em 14 tonéis, pasta base de cocaína. O material ilícito estava distribuído entre bombonas plásticas.

Três caminhoneiros, responsáveis pelo transporte e escolta dos entorpecentes, acabaram presos em flagrante. Em conversa inicial, o trio relatou que a droga tinha como destinos cidades nordestinas e países do hemisfério norte, mais precisamente na América do Norte e na Europa.



(Foto: Divulgação/SSP-BA)

"Parabéns Cipe Caatinga, Rondesp Norte e PF de Juazeiro. A polícia baiana, estadual e federal, chegaram a um nível de integração jamais visto em outros estados. Esta semana capturamos em conjunto assaltantes de carro-forte e, ontem, as equipes chegaram nesta carga valiosa de drogas", destacou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

O trio, os caminhões e a pasta base de cocaína foram apresentados, na sede da PF, em Juazeiro.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário