Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Defur apreendeu 3 toneladas de maconha em uma granja em Macaína — Foto: Divulgação

Policias civis da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur) de Natal prenderam um soldado da Polícia Militar suspeito de integrar um grupo criminoso que atua com explosão de caixas de banco no Rio Grande do Norte.

A prisão aconteceu na manhã desta sexta-feira (5) durante a 3ª fase da operação ‘Alpha Bravo – Conexão’, investigação que resultou na apreensão de 3 toneladas de drogas em fevereiro deste ano em uma granja em Macaíba, a maior já realizada no estado.

A prisão do soldado contou com apoio do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque). O grupo criminoso do qual o PM é apontado como integrante atua com o tráfico de drogas e crimes contra instituições financeiras, principalmente arrombamentos e explosões de caixas eletrônicos.
“O suspeito era parte fundamental do grupo criminoso e tinha a função de realizar a segurança de seus membros, repassar informações privilegiadas, guardar e manejar o material ilícito encontrado na granja. Até o momento, oito membros do grupo criminoso foram presos e um ainda está foragido”, disse a Polícia Civil.

Alpha Bravo – Conexão

O grupo foi desarticulado no dia 6 de fevereiro deste ano, quando houve a prisão de cinco homens e apreensão de mais de três toneladas de drogas, diversos explosivos, munições de uso restrito e coletes balísticos, em uma granja no município de Macaíba. Todo o material apreendido foi avaliado em R$ 4 milhões. As informações são do G1 RN.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário