Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Leandro Gama Barros, de 34 anos, morreu na noite da quarta-feira (21) — Foto: TV Globo/Reprodução

O jogador de futebol e professor de educação física Leandro Gama Barros, conhecido como Léo Gama, morreu após ser atingido por tiros na noite da quarta-feira (21), em Camaragibe, no Grande Recife, dentro do próprio veículo, segundo a Polícia Civil. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo o 20º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o jogador tinha acabado de estacionar o carro na frente da casa dele, no bairro da Bela Vista, quando outro veículo se aproximou e foram feitos diversos disparos. Leandro foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, mas não resistiu.

Léo Gama tinha 33 anos e foi revelado pela Cabense, no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife. Em Pernambuco, ele jogou pelo Salgueiro, América e Pesqueira. Ele ainda passou pelo Baraúnas, do Rio Grande do Norte, e pelo Crateús, do Ceará. Atualmente, estava sem clube.

O corpo do jogador foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), no bairro de Santo Amaro, na região central do Recife.

O caso segue sendo investigado pela 10ª Delegacia de Polícia e Homicídios. Ainda não há informação sobre os envolvidos no crime ou possível motivação. As informações são do G1 PE e TV Globo.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário