Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Vazamento de gás aconteceu na manhã desta terça-feira (22), no Hospital Vasco Lucena, no Recife — Foto: Wellington Pereira/TV Globo

Um incêndio no Hospital Vasco Lucena, no bairro da Boa Vista, na área central do Recife, provocou a transferência de pacientes para outras unidades de saúde da capital nesta terça-feira (22). O fogo atingiu uma sala do térreo, onde havia tubulações de oxigênio, ocasionando um vazamento de gás, segundo o Corpo de Bombeiros, que não registrou feridos na ocorrência

Ao todo, treze pacientes foram retirados do local, incluindo gestantes e crianças, além de bebês transferidos em incubadoras. Imagens da TV Globo mostram profissionais de saúde retirando os pacientes às pressas do hospital localizado na Rua do Progresso, que pertence ao grupo Hapvida e conta com uma área específica para maternidade.

O Corpo de Bombeiros informou que foi acionado às 10h30 e sete viaturas foram até o local para combater as chamas. O fogo não se alastrou para outras áreas do hospital, ficando restrito à sala do térreo. O vazamento atingiu o térreo, o 1º e o 2º pavimentos, mas foi controlado.

"Pelas informações que foram passadas, o vazamento iniciou em um ar-condicionado que fica na sala que os médicos usam para descanso. Suspeitamos que tenha sido um curto-circuito, mas não podemos afirmar. O fogo atingiu apenas parte de um alojamento. O que complica são os gases tóxicos, mas houve evacuação com sucesso. Só está interditado o térreo", disse o tenente Gladston Bandeira, do Corpo de Bombeiros.

Os pacientes que estavam na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Vasco Lucena foram encaminhados para o hospital do grupo na Ilha do Leite, no Centro do Recife. Outros foram transferidos para um pronto-atendimento na Avenida Caxangá, na Zona Oeste da capital pernambucana, e para a Fundação Altino Ventura (FAV), que fica ao lado do Hospital Vasco da Gama.

"Minha esposa ia entrar em trabalho de parto induzido, mas começou um cheiro de fumaça e a equipe do hospital prontamente evacuou o local, tranquilizando as pessoas e foi de suma importância isso. Foram distribuídas máscaras para todo mundo que estava na situação. Se não fosse a evacuação, talvez pudesse ter um acidente maior", contou João da Costa, que seguiu com a esposa para a FAV. Até a noite, a bebê ainda não tinha nascido.

Ao NE1, a direção do Hospital Vasco Lucena explicou que o atendimento foi normalizado após o incêndio.

"Foi detectado um foco de fumaça intenso no térreo do hospital, na sala dos médicos, e rapidamente foi acionada a Brigada de Incêndio. Colocamos uma série de pessoas para atuar na evacuação, que é o protocolo de segurança. Os bombeiros liberaram as áreas do hospital, a gente está trazendo todos os pacientes com calma e segurança, todos acompanhados, sendo realocados, o hospital está funcionando normalmente. Já contornamos a situação e tudo vai voltar à normalidade", afirmou o diretor do hospital, Flávio Sivini. As informações são do G1 PE e TV Globo.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário