Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Diante do Remo, neste sábado, na Arena de Pernambuco, o Náutico fará seu último jogo do primeiro turno do Grupo A da Série C. Uma metade que não deixará saudades. Na lanterna da chave, com sete pontos, o clube, que imaginava ocupar uma das vagas do G4, se esforça para pelo menos deixar a zona de rebaixamento no fim de semana. O adversário, apenas uma posição acima e com mesma pontuação, vive clima idêntico. Campeões estaduais em 2018 que não estão fazendo jus ao bom pontapé inicial na temporada. Um duelo de desesperados para afastar o risco de queda à Série D.

O técnico Márcio Goiano não optou pelo mistério e definiu a escalação do Náutico para o jogo. Recuperado de uma febre, o centroavante Ortigoza está confirmado para encarar o Remo. O mesmo não pode ser dito sobre Luiz Henrique. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o meia será substituído por Jobson. Até aí, nenhuma novidade. A surpresa estará na lateral esquerda. O volante Josa será improvisado no setor. Mudança provocada pelas exibições ruins do então titular Tiago Costa, principalmente após a falha em um dos dois gols sofridos pelo Timbu na derrota passada por 2x0 para o ABC.

“Quando falamos em improvisação, a gente tem que acreditar e confiar no atleta que vai fazer a função. Fiz uma observação com Josa na lateral esquerda. Ele já atuou por ali e temos tranquilidade com relação a isso (mudança)”, afirmou o técnico, aproveitando também para amenizar as cobranças em cima de Tiago Costa. “Ele é um cara que tem uma história vitoriosa aqui em Pernambuco e veio para o Náutico para dar continuidade a isso. É um excelente profissional, que faz tudo o que a gente pede. Mas chega um momento em que o peso é muito grande em cima só de um atleta", explicou.

Remo

Assim como o Náutico, o Remo é outro clube tradicional que está passando por dificuldades na Série C. Segundo Márcio Goiano, os paraenses vão apostar em um esquema mais cauteloso para surpreender os mandantes. “A equipe deles mudou com a chegada do Artur Oliveira (técnico), além do retorno de alguns atletas que estavam lesionados, como Esquerdinha. Joga no 4-2-3-1, com jogadores mais de contenção e apenas Eliandro na frente. Aguardamos uma equipe que virá para jogar no nosso erro, buscando os contra-ataques. Estamos preparados para ter tranquilidade, equilíbrio e organização dentro de campo”, frisou.

FICHA DE JOGO

Náutico

Bruno; Thiago Ennes, Camutanga, Camacho e Josa; Jhonnatan, Jobson, Dudu e Robinho; Lelê e Ortigoza. Técnico: Márcio Goiano

Remo

Vinícius; Nininho, Mimica, Moisés e Esquerdinha; Leandro Brasília, Dedeco, Rodriguinho, Rafael Bastos e Everton; Eliandro. Técnico: Artur Oliveira

Local: Arena de Pernambuco (São Lourenço da Mata/PE)
Horário: 16h
Árbitro: Salim Fende Chavez (SP). Assistentes: Gustavo Rodrigues de Oliveira e Fabrini Bevilaqua Costa (ambos de SP)
Transmissão: Esporte Interativo


As informações são do Folha PE

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário