Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: Divulgação

Os passageiros de Petrolina e região poderão enfrentar sérios problemas econômicos diante da saída de mais uma companhia aérea do Vale do São Francisco.

E a situação também vem preocupando a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), representante do comércio local. Após o anúncio da saída da Avianca, a entidade mostra indignação e conclama representantes do executivo do estado, do município, senadores, deputados federais e estaduais e Câmara Municipal a fim de unir forças para buscar soluções para o problema.
Segundo a CDL, ações imediatas devem ser tomadas para reverter o problema, uma vez que, a empresa aérea em questão é responsável por 60% da movimentação de passageiros de Petrolina, realizando dois voos diários. Para o presidente da CDL, Manoel Vilmar, se uma medida urgente não for tomada todos os setores econômicos serão afetados, além do fechamento de postos de trabalho.

“Perde o comércio, o turismo de negócio e todos os moradores locais. Precisamos de medidas urgentes, é necessário o empenho de todos os representantes parlamentares pernambucanos, pois uma cidade com o porte de Petrolina não pode passar por esse transtorno”, alerta Vilmar.

Diante das manifestações, a CDL espera que uma empresa possa substituir os voos prejudicados com a saída da empresa 'Avianca'.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário