Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Jilmar Barros, gerente de educação de trânsito da Ammpla — Foto: Reprodução / TV Grande Rio

De janeiro a junho deste ano, a Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (Ammpla) emitiu 767 multas para motoristas que utilizaram o celular enquanto dirigiam pelas ruas da cidade do Sertão de Pernambuco. O gerente de educação de trânsito da Ammpla, Jilmar Barros, reforça que esta é uma prática perigosa, que pode resultar em acidentes graves.

“Torna-se perigoso você dirigir e utilizar o celular porque em frações de segundos você pode causar um acidente seríssimo. O seu tempo de reação diminuiu, você tira toda a sua atenção no que está em volta do veículo e pode ocasionar um acidente de trânsito seríssimo”, afirma.
Os motoristas flagrados utilizando celular no trânsito, além de pagar a multa, perdem pontos na carteira de habilitação. Considerada infração gravíssima, dirigir mexendo no celular gera multa de R$ 293, 47 e a perda de sete pontos na carteira de habilitação. Quem dirige falando ao celular ou com fone de ouvido está cometendo infração médica, com multa de R$ 130, 16 e quatro pontos na carteira.

Jilmar Barros diz que os agentes da Ammpla e os policiais militares que atuam no trânsito de Petrolina estão alertas para coibir este tipo de infração. “Todo motorista devidamente habilitado deve ter em mente que se telefone celular recebeu alguma chamada, pare seu veículo em local seguro, atenda o celular para depois dar continuidade. Tomando essas decisões, essas iniciativas, você não será notificado e pode evitar um acidente”. As informações são do G1 Petrolina.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário