Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: Reprodução / Petrobras

A Petrobras divulgou na noite desta segunda-feira (26) que um novo sobrevoo feito na Bacia de Campos identificou presença de óleo no mar, com volume estimado em 6,6 mil litros, além do vazamento identificado e já recolhido de 1,2 mil litros.

Segundo a estatal, o vazamento foi causado por conta de trincas no casco de um navio da empresa Modec.

Ainda de acordo com a Petrobras, sete embarcações para recolhimento e dispersão já estão atuando no local, além de quatro embarcações de apoio e um helicóptero, para sobrevoo.

A retirada das 54 pessoas embarcadas, iniciada na sexta, foi concluída nesta segunda-feira (26)

A Petrobras informou também que a empresa dona da embarcação constatou o aumento na extensão das trincas, desde o início da ocorrência, mas o navio continua em posicionamento estável e em condições seguras, sob monitoramento permanente da Modec e da Petrobras.

O navio encontra-se fora de operação desde o ano passado e em processo de saída da locação do campo de Espadarte, a 130 quilômetros da costa. As informações são do G1.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário