Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Pedro Lucas tem o cantor Gusttavo Lima como ídolo. — Foto: Kaio Cads / Arquivo Pessoal

"Eu tô muito feliz, ave maria! Eu penso que vou ser um cantor famoso e pronto", diz Pedro Lucas Marins, de 10 anos, após conquistar o Brasil nas audições às cegas no palco do The Voice Kids. O interesse pela música surgiu aos dois anos de idade, mas, foi a partir dos seis, que a carreira musical realmente tomou forma. Com o suporte dos pais, Pedro, que mora em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, fez sucesso com vídeos cantando na redes sociais. Em 2019 participou do show do ídolo, Gusttavo Lima, no São João da cidade. O menino garante que independente do resultado do reality, vai seguir realizando o sonho.
Eu escuto e gosto de todos estilos, mas o que eu gosto mais é o sertanejo. Os artistas que eu mais gosto é Gusttavo Lima, Mano Walter e Ciel Rodrigues".

O "mini Zezé Di Camargo", como foi chamado pela dupla Simone e Simaria depois da apresentação, escolheu as Coleguinhas para serem suas técnicas no programa.

Pedro conta que nunca pensou em ser outra coisa, a não ser cantor. Quando era mais novo, o menino gostava de tocar bateria. Vendo a vocação do filho para a música, o pai, Charles Souza, presenteou o garoto com um violão.

"Ele sempre gostou de música, começou tocando bateria, aí eu vi que a voz dele era perfeita para ser um cantor. Comprei um violão e coloquei na aula de canto, logo ele aprendeu a tocar, a cantar e a se aperfeiçoar", diz Charles.

Os pais do menino sempre tiveram interesse de inscrevê-lo no The Voice Kids. Mas na época, Pedro não tinha a idade mínima para competir no reality. Agora, com o sucesso depois das audições, eles estão muito felizes pelo filho. "A ficha não caiu 100% não, ainda está caindo, parece que estou sonhando. Estou me derretendo", diz o pai orgulhoso.

Pedro lembra que a música 'Na Hora de Amar', apresentada no programa, foi escolhida porque ele se sentir bem ao canta-la. O garoto descreve a emoção de cantar pela primeira vez no palco do reality. "Subi no palco e as cadeiras não estavam viradas, fiquei um pouco nervoso no começo, mas quando virou, fiquei muito feliz", recorda.
Na escola, o sentimento não seria diferente, os professores e amigos de Pedro estão orgulhosos pelo reconhecimento do talento dele no programa. "Estão muito felizes, de eu estar no The Voice. Os professores da escola toda ficam pedindo foto e eu fico muito feliz com isso".

Sobre a possibilidade de frustração caso Pedro Lucas não passe na fase das batalhas, o pai destaca que está preparando o filho. "Ele é um menino bem tranquilo. O pessoal sempre fala que isso pode alterar alguma coisa no psicológico dele, mas eu preparo ele com humildade".

Com o futuro incerto, a estrela sertaneja mirim garante: "A carreira continua. Eu vou correr atrás dos meus sonhos". As informações são de Pedro Miranda / Emerson Rocha, G1 Petrolina.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário