Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Maior parte das mortes violentas em Pernambuco em 2019 foi classificada como homicídios dolosos — Foto: Bruno Fontes/TV Globo

Dos 3.466 crimes violentos registrados em Pernambuco em 2019, 3.311 deles foram homicídios dolosos, quando há intenção de matar a vítima. Isso corresponde a 95% do total. Outros 135 casos foram latrocínios, que são os roubos seguidos de morte, o que equivale a 3,8%. Já os 20 casos de lesão corporal seguida de morte representam 0,5% da totalidade de ocorrências.

Os dados foram contabilizados pelo Monitor da Violência, uma parceria do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV-USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Em 2018, dos 4.170 crimes violentos registrados pelo Monitor em Pernambuco, 4.022 deles foram homicídios dolosos, o que mostra que, em 2019, houve uma redução de 17,6% entre os dois anos. Em relação aos latrocínios, foram contabilizados 131 em 2018, o que indica um aumento de 3,05%.

Ainda em 2018, foram 17 lesões corporais seguidas de morte registradas no estado, o que também mostra um crescimento de 17,6% desse tipo de crime com relação a 2019. No comparativo total de mortes violentas no estado entre os dois anos, a diminuição de casos foi de 16,9%.

Esse percentual fica atrás do índice nacional, de 19% de queda dos crimes violentos em todo o país no ano passado. Foram 41.635 assassinatos em 2019 no Brasil, 9.923 a menos do que em 2018. A soma de casos de 2019 é a menor de toda a série histórica, iniciada em 2007. As informações são do G1 PE.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário