Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]

Foto: Ascom/divulgação

Em Salgueiro (PE), no Sertão Central, o ex-prefeito Marcones Libório de Sá (PSB) se manifestou, por meio de nota de sua assessoria, sobre a operação ‘Solaris’, deflagrada pela Polícia Federal (PF) nesta quarta-feira (28). Segundo Giovani Santoro, chefe de Comunicação da PF, a operação a “visa a combater um suposto desvio de recursos públicos identificados na Secretaria de Saúde da prefeitura municipal”. Ainda conforme Santoro, “a investigação, que durou cinco meses, não está investigando a atual gestão”.

Marcones Libório disse apoiar todas as formas de investigação e está disposto a colaborar com todos os trabalhos que vêm sendo desenvolvidos pela equipe da PF.

O ex-prefeito ressaltou ainda que nada tem a temer no que diz respeito a indícios que direcionam para algum tipo de irregularidade na saúde durante suas duas últimas gestões à frente do município. “Mantemos uma posição transparente, coerente, firme e austera com a esfera pública, como sempre conduzimos nossas administrações. Não tememos nada, até porque não existiu por nossa parte nenhum desvio de conduta ética. E se alguém cometeu falhas, não houve anuência“, ressaltou Libório.

Confiança

Ainda sobre a ação investigativa da PF, o ex-prefeito ressaltou que confia na transparência das instituições como Justiça e Ministério Público (MP), “tanto quanto da PF, de maneira que tenha total liberdade para apurar os fatos o mais breve possível e que seja exposta a verdade à sociedade”.

“De qualquer forma, é com a tranquilidade e serenidade de sempre, que tendo como principal marca do nosso tempo no governo a transparência e credibilidade, esperamos que tudo seja esclarecido, e no caso de irregularidades os envolvidos sejam punidos“, finalizou Marcones Libório.

As informações são do Blog do Carlos Britto.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário