Slider[Style1]

Style10

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style2

Style6

Style5[ImagesOnly]


Foto: Reprodução / Facebook / Roberval Machado


De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC), em apenas dois dias, choveu em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, 51,3 mm, o que equivale a 85% da média para o mês de dezembro no município, que é de 60,50 mm. No mesmo período do ano passado, choveu 14 mm.

Segundo a APAC, até o momento, Petrolina é o município do Sertão de Pernambuco que mais choveu. Ainda de acordo com informações da Agência, a chuva está mais concentrada na zona rural do município.

A APAC informou que a chuva está sendo motivada por uma zona de convergência climática no Oceano Atlântico Sul, que fortalece as chuvas no interior de Pernambuco. Para esta terça-feira (4), segundo a APAC, a previsão é de chuva forte e trovoadas. Até quinta-feira (6), deve continuar chovendo, só que de forma mais leve.

Efeitos da chuva

A chuva que ocorreu no domingo (02) alagou ruas e avenidas da cidade. No Centro, houve queda de árvore e de poste de energia. Em bairros mais afastados da zona central, como São Gonçalo e João de Deus, algumas casas foram inundadas. Na zona rural do município, como no povoado do Capim, os moradores estão comemorando o fim da estiagem. As informações são do G1 Petrolina.

Sobre Petrolina News

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário